Perguntas & Respostas: Imaginação

TOBIAS E O CONSELHO CARMESIM

Círculo Carmesim, 6 de março de 2004 – Série da Nova Energia

Shoud 8: “Imaginação”

Perguntas & Respostas



E assim é, queridos professores, que continuamos no amor... no fluir... no liberar... das crescentes energias neste dia. Tentamos dançar aqui, uma pequena valsa durante sua música. E, sim, realmente, Myriam e eu dançamos lindamente. Amamos quando vocês se abrem e nos convidam a entrar em seu espaço, quando agora, não apenas abrem seus corações, mas permitem sua imaginação soar, penetrando o véu, penetrando as dimensões, quebrando as barreiras e as limitações.

A imaginação os liberta. Permite toda uma nova liberdade na vida. Nem tudo que você imagina, que você quer brincar, você necessariamente trará para a realidade humana. Algumas vezes você simplesmente deseja se abrir e brincar. Outras vezes você pode querer introduzir todas as ferramentas de que necessita, que deseja em sua experiência humana. Mas, a imaginação verdadeiramente o liberta.

Quando passei minha última vida na prisão na Terra, foi o Arcanjo Miguel (Tobias diz Mike-el), Miguel (agora pronuncia Meek-eye-el, que pode ser traduzido em português como “o que tem o olhar manso”), como devem saber, que me ajudou a compreender o valor da imaginação, a liberdade de sair das paredes de minha prisão a qualquer momento que desejasse. Foi real ou tão real quanto a realidade dentro daquelas paredes. Produziu em mim um novo apreço pela vida, uma nova compreensão da natureza da realidade.

A mente aprisionou a imaginação como refém por muitas vidas aqui na Terra. E agora é o momento de libertá-la. Você não pode culpar a mente, querido Shaumbra, pois lhe deu esse direito. Você permitiu que ela tomasse a imaginação como refém...que armasse o laço...que a aprisionasse...para segurar suas asas.

Oh, realmente, realmente, as asas dos anjos são realmente a imaginação. É tempo de deixá-la soar novamente sem controle, sem julgamento da mente. A mente não vai se importa de maneira nenhuma (risadas). Como dissemos anteriormente, ela foi sobre-taxada...oprimida...trabalhada em excesso. É por isso que vocês estão cansados e fatigados.

Agora é tempo de dar asas a esta dádiva que sempre possuíram – a imaginação. Brinque com ela. Descubra até onde pode verdadeiramente ir. Descubra o que você pode trazer para sua realidade, e como você pode soprar vida em sua imaginação. Se perceber, como perceberá, que a mente tenta controlar tudo isso, simplesmente inspira e assegure seu ser inteiro que você escolhe agora a vida e a liberdade.

Então, nós já estamos vendo vocês se abrindo energeticamente, observando alguns tropeços. Mas, vocês se tornarão mestres. Tornar-se-ão peritos nesta coisa chamada imaginação.

E, o que pode frustrar vocês nisso, enquanto trabalham com isso, são as outras pessoas tão aprisionadas em seus próprios mundos. Você vai querer mostrar a elas como estender suas asas e soar, e criar suas realidade da maneira que desejarem, seja uma realidade aqui nesta terceira dimensão, ou em qualquer outra.

Oh, queridos professores, é aí que seu verdadeiro trabalho se inicia. Hoje abrimos um novo portal com vocês. Como sabem, o desenrolar, o florescimento vai levar um pouquinho de tempo. Vai ser necessário praticar, experimentar. Se não se sair bem algumas vezes, não se preocupe com isso. Você é um ser humano espiritual auto-ajustável, que se auto-equilibra. Você se colocará novamente no curso apropriado. Não tenha medo de cometer alguns erros, porque eles não são realmente erros. Estão apenas aí explorando direções diferentes.

A imaginação é a liberdade da alma. Foi deixada de lado pela humanidade por eras. Foi posta de lado pelos governos, pelos professores, pela igreja... Porque quando um humano imagina, ele é realmente livre. Quando imagina, ele pode criar qualquer coisa. E, isso não estava no programa de muitos líderes. Eles queriam controlar. Queriam que tudo viesse da mente porque a mente é limitada. Tem um potencial limitado.

Mas agora nesse dia nós escolhemos – você escolhe – a liberdade.

Com isso, estamos encantados em responder suas perguntas. Mas, você já sabe como nós vamos responder a elas. (risadas)


PERGUNTA DO SHAUMBRA 1 (via Internet, lida por Linda): Tobias, eu entendo que não há escolhas erradas, e decidi seguir meu coração e abraçar a vida a cada dia em que ela se revela para mim. Posso ver o bem que veio disso, mas também estou obcecada de aflição pela dor que infligi a pessoa que amei e com a qual partilhei minha vida por tantos anos. E como não posso ver ainda de uma perspectiva maior, termino me questionando se esta escolha foi para o bem maior de todos os envolvidos. Ou será que simplesmente estive iludindo a mim mesma? Obrigada.

TOBIAS: Realmente...sempre há acordos entre duas ou mais pessoas, não necessariamente para o que virá, nem necessariamente os detalhes. Mas, há acordos para se atuar na mesma caixa de areia, se me permite a expressão, para experimentar.

Agora, você carrega um bocado de peso. E pedimos a você para se ver através dos olhos do Espírito – que são os olhos da compaixão – e liberar este fardo que carrega porque isso simplesmente resulta em vidas de carma, vidas de débito. E é tempo de liberar isso.

Use sua imaginação. Vá até seu parceiro. Vá até essa pessoa que exerceu esse papel em sua vida e fale com ela. Pergunte sobre a dor. Pergunte sobre o amor. Peça que libere. E, então, peça a si mesma para liberar.

Então se escolher trazer isso para a realidade, poste-se face a face com ela... Você vê... E peça mais uma vez. Você vai ver que não há amargura nos níveis internos mais profundos, pois é algo que ambos escolheram vivenciar. Agora você tem mais conhecimento. Sabe um jeito diferente de criar, então não tenha medo de que vá repetir esses padrões.

Como dissemos no início de nossa discussão, é tempo de abrir todos aqueles lugares obscuros dentro de si mesmos.... E deixar os ventos.... A luz... E o amor clarear essa Velhas Energias. Obrigado.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 2 (UMA MULHER AO MICROFONE): Oi, Tobias, você poderia instruir a nós, que estamos tomando anti-depressivos, porque a gente sente demais. E. é realmente difícil levantar de manhã com o entusiasmo de que você fala. E, o sono torna-se um importante caminho para se ir a este lugar da imaginação do qual você está falando.

TOBIAS: Realmente... Fica difícil entrar no reino da imaginação, usando essa drogas psicotrópicas. Literalmente – a você particularmente – você está mais pronta do que pensa para se liberar delas. Há um medo de que se você parar, todo tipo de coisas ruins acontecerá. Mas, você está pronta para liberar.

Há remédios homeopáticos e naturais, bem como remédios energéticos disponíveis agora nesta sala. Há profissionais aqui. E pedimos as pessoas que tenham conhecimento que levantem as mãos. Você pode procurar na sala as mãos levantadas. Não receiem levantar a mão. Há muitos que podem ajudar você a se desacostumar dessas drogas.

Vai se necessário um instrutor. Um guia para ajudá-la. Vai ser difícil se você tentar resolver por conta própria e lutar a sua maneira. Mas, há pessoas agora, hoje que entendem de aconselhamento na Nova Energia e homeopatas da Nova Energia que podem ajudar você.

Ao começar a se libertar da dependência... Pode ser muito, muito...“Viciador” não é a palavra correta...Dependente... Sua mente se torna tão dependente dessas coisas. Mas, você verá que pode liberar com a orientação das pessoas que se apresentaram a você. É o seu momento. E, você é uma pessoa muito sensível, que se abre profundamente. E, você já andou batendo nas paredes, e se fechou. Mas, você possui um dom natural e a habilidade. É tempo de voar mais uma vez. Obrigado.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 3 (via Internet, lida por Linda): Tobias, qual é a natureza de sua viagem a Israel?

TOBIAS: Realmente... Adoramos levar Cauldre e Linda pelo mundo afora. Desejo retornar a esta terá sagrada, esta terra que deu nascimento a tantas religiões, mas que também deu nascimento a tantos conflitos.

Você vê... Eles estão trancados em crenças. E, CRENÇAS NADA MAIS SÃO QUE IMAGINAÇÃO LIMITADA. Eles se acham tão fechados em crenças. Nós estamos indo para lá. Estamos indo pra lá para curtir a vida. Estamos indo lá para abraçar a vida. E, estamos indo lá para abrir algumas energias e ver o que acontece.

Nós vamos jogar uma granada de mão na casa de marimbondos (risadas). Cauldre não acha isso engraçado (mais risadas). Mas vamos fazer isso energeticamente. E, os efeitos, o potencial do que estaremos fazendo lá, não será sentido por um tempo. Mas, há grandes transformações necessárias neste lugar do nascimento.

E, vamos para lá. Vamos para lá com Myriam. Vamos com muitos do Círculo Carmesim. Vamos pra lá com Abraão. Com Davi e Salomão. E, vamos pra lá com os humanos que – como dizer – nos acompanharão e nos ajudarão a fazer algumas interessantes mudanças nessa terra. Vamos pra lá para fazer retornar algo chamado compaixão.

LINDA: Uma granada de mão numa casa de marimbondos, né?

PERGUNTA DO SHAUMBRA 4 (uma mulher ao microfone): Oi, Tobias. Recentemente dei uma reviravolta em minha vida e me mudei para esta área baseada em nada mais que um puxão interno incontestável. Fico pensando se você pode dar uma luz sobre o que eu deva fazer aqui... Por que estou aqui?

TOBIAS: Realmente... Era o momento de sua vida dar uma virada. Mais do tudo você sentiu que estava numa rotina, muito frustrada – como dizer – um pouco sem cabeça, sem saber para lado se virar.

Esta área detém muitas coisas. As dinâmicas da energia na área – não gostamos de usar termos como “portais” – mas aqui é um centro de energia. Você vai ver as coisas aqui se acelerando muito, muito rapidamente pra você, a um tal grau que vai se ver um dia daqui a poucos meses, se levantando e pedindo pra nós diminuirmos um pouco a velocidade das coisas (risadas). Aqui também é – como dizer – um lugar onde você fará associações com Shaumbras, que a ajudarão a ter novamente seu próprio equilíbrio - seu tipo próprio de força interna de volta – a qual é tão necessária a este ponto.

E, é uma área onde há o potencial de você – como dizer – absorver energias, e também usar sua imaginação para iniciar seu próprio trabalho, que depois levará para muitas, muitas outras pessoas. Não queremos definir aqui o que é, porque é você quem vai descobrir. Mas, permita-se agora mesmo estar nessa área.

Você está questionando um pouco. Está pensando no que teria que ser feito. Simplesmente, simplesmente permita-se chamar isso aqui de lar, e observe como todas as dinâmicas começam a mudar pra você. Não há nada que você tenha que fazer aqui. Não há – como dizer – uma missão que deva empreender. Chame isso aqui minha casa por um tempo. E, tudo começará a retornar.

SHAUMBRA 4: Muitíssimo obrigada.

LINDA, começando a ler a próxima pergunta: Querido Tobias, com todo...

TOBIAS: Queremos fazer mais um comentário aqui. Não há erro em seguir seus sentimentos. Não há erro. Você agora está aprendendo a seguir o coração.

SHAUMBRA 4: Obrigada.

TOBIAS: Obrigado.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 5 (via Internet, lida por Linda): Querido Tobias, com todo esse zum-zum-zum em torno do novo filme “A paixão de Cristo” (filme de Mel Gibson), gostaria de chegar a uma fonte verdadeira. O que Jesus acha dele afinal? O que Jesus – e todos vocês no outro lado do véu – pensam a respeito deste filme?

TOBIAS: Achamos que o momento foi muito apropriado. O filme traz a baila toda a questão do sofrimento. Traz à baila – como dizer – exatamente a razão por que estamos indo para Israel. É tempo de uma transformação ou - o que vocês chamariam – de uma cura acontecer. Mas, para que qualquer cura ocorra, como todos vocês já descobriram, todos os elementos devem vir à tona. Os elementos do sofrimento... Os elementos de intolerância... Os elementos da virtude, todos precisam vir à tona para que a cura aconteça.

Assim, o filme foi – como dizer – muito apropriado, muito canalizado, e levantará questões em muitas, muitas pessoas. Num certo sentido, ocasionará mais divisão do que antes. Fará com que muitos tomem muito fortemente uma postura da Velha energia. Mas, também, ajudará muitos, muitos outros a liberar essa Velha energia de sofrimento, conflito e virtude, substituindo-os por aquilo que falamos e que se chama compaixão.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 6 (uma mulher ao microfone): Tobias, cerca de seis semanas atrás, minha boa amiga uma fêmea amarela de labrador, Kona, ficou com o lado direito da face parcialmente paralisado. O veterinário com quem falamos disse ser a “Síndrome de Horner,” e diz que a causa é desconhecida, mas que se corrigirá dentro de quatro meses. Você poderia, por favor, explicar energeticamente o que está acontecendo? Obrigada.

TOBIAS: Ela está respondendo as inúmeras mudanças pelas quais você tem passado, absorvendo muito das difíceis energias de maneira que você não tivesse que fazer isso, causando uma paralisia em suas próprias energias e mantendo um espaço para você. E, realmente, dentro de menos de quatro meses, isso passará porque você estará mais equilibrada.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 7 (via Internet, lida por Linda): Querido Tobias, como é que você pode mudar o Shoud porque está preocupado com o desejo dos Shaumbra de viver quando, de fato, pressupõe-se que o Shoud seja um reflexo dos pensamentos e desejos dos Shaumbra? O plano original não seria que o último Shoud também fosse um reflexo dos pensamentos e desejos dos Shaumbras? E, já que esta é a minha vida, não seria eu a dizer se ela é sagrada ou não, ao invés de você continuamente ficar tentando me convencer disso? Desculpe, Tobias, mas fiquei meio confusa com isso. Eu aprecio seu trabalho e também suas respostas. Obrigado. (algumas risadas)

TOBIAS: Realmente... Nós reunimos – como dizer – nós reunimos, guardamos e abraçamos todas as energias de Shaumbra que estão reunidos conosco no momento Agora, não necessariamente aqueles que irão ler mais tarde. Mas, reunimos as energias no momento Agora de todos que estavam reunidos, seja aqui em pessoa, ou via Internet. E, num certo sentido, você poderia dizer, temos uma grande discussão com todos vocês.

Você começará a ter a capacidade de participar nessas discussões agora, ao abrir sua imaginação. Mas, nós discutimos num vai e vem algo muito específico. Tudo que vocês estão fazendo agora é traçar os fundamentos para aqueles que virão depois de vocês, querido professor. E, você diz para si mesmo, “Onde me situo agora na compreensão e evolução... o que preciso saber para que essa informação possa ser divulgada para os outros mais tarde?” Você dá uma olhada em todos os potenciais e toda a energia, e diz, “O que preciso saber – e o que eles irão precisar saber quando chegarem a esse ponto, antes de se lançarem na abertura da imaginação – é o valor da vida.”

Em um certo sentido, você poderia dizer que tudo o que estão fazendo é para os demais que os seguirão. Vocês estão estabelecendo o currículo e estabelecendo a energia. Vocês são aqueles que dizem, “O que eles precisarão saber agora – após passar por uma jornada muito desafiadora e difícil para chegar a esse espaço – é abraçar a vida antes de darem o próximo passo.” Vocês estão escrevendo o programa de estudos para os demais, porque vocês são os professores. NÃO SE TRATA MAIS DE VOCÊ.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 8 (um homem ao microfone): Tobias, foi nessa última semana que minha namorada, Carrie... sua irmã, Jill, morreu. E isso aconteceu muito inesperadamente. E, foi muito traumático para ela. Fico pensando se você poderia espalhar a sabedoria da Nova Energia sobre isso, e nos dizer como Jill está indo?

TOBIAS: Essa é uma área muito difícil para a compreensão de muitos. Mas, a sabedoria da Nova Energia é ter alegria na partida dessa pessoa. Eles ficaram muito mais tempo do que haviam planejado. Foi da escolha deles partir e partir de maneira que - como dizer – não causasse grande dor. Mas sabemos que sempre causa.

Como você sabe, a energia dela esteve muito presente neste curto período de tempo desde sua passagem. Ela realmente está aqui hoje. E, também está muito presente junto aos membros da família. Ela estará incomunicável por um período – que você diria – de vários meses. Não se preocupe com isso. Normalmente depois que os humanos fazem a passagem – retornam para nosso lado – eles passam por um processo de rejuvenescimento, que levaria vários meses do tempo humano... Embora, de nossa perspectiva não seja de maneira nenhuma um tempo longo.

Então, a melhor coisa que podem fazer, a sabedoria maior, é ter alegria com sua passagem. É apropriado. E, há – como dizer – algumas razões envolvendo a entrada de novos membros na família, novos nascimentos... A razão pela qual ela partiu agora é para que possa retornar muito, muito em breve.

SHAUMBRA 8: Obrigado.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 9 (via Internet, lida por Linda): Tobias, minha ações no passado foram a serviço de Deus. Tendo liberado Deus e a religião, eu liberei a razão que me compelia a introduzir a Nova Energia. Qual é a grande questão sobre a Nova Energia... Por que introduzi-la? A Nova Energia parece ser apenas outra experiência. Por favor, seja específico.

TOBIAS: Esse liberar de que você fala – liberar até mesmo o conceito de serviço – é altamente honorável. E, é tempo... Para muitos esses conceitos são Velhos. Realmente, a questão toda de serviço, de vidas passadas que você e os outros tiveram, de pensar que tinham que estar a serviço de Deus... Deus não precisa de serviço (risadas). Outros humanos podem precisar servir... Mas, Deus não precisa de serviço. Deus sequer pediu por isso. Então, é bom que você tenha liberado.

Assim que você passa por um período – como dizer – de vácuo, de vazio de todas as Velhas paixões de si mesma. E você se sente, como sabe agora, um pouco desiludida, um pouco vazia. Mas, ao simplesmente respirar, não tente substituir isso por quaisquer novas crenças e novas limitações. Apenas respire e permita-se simplesmente sentir a vida. Não tente fazer qualquer julgamento sobre isso, ou qualquer ação.

Não tente fazer de si mesma ser qualquer coisa. Apenas permita-se ser tudo. Toda uma nova paixão da Nova Energia entrará, e você vai pensar até porque, em primeiro lugar, fez esta pergunta.

LINDA: Última pergunta se assim desejar.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 10 (uma mulher ao microfone): Bom de te ver de novo.

TOBIAS: Bom te sentir (risadas).

SHAUMBRA 10: Obrigada. Legal! Você tem algum comentário a fazer sobre o trabalho da Dra. Stephanie Mines – que trabalha, descendo essa estrada em Eldorado Springs, bem desse lado de Boulder – utilizando sua visão de Tara para a solução do choque e trauma para abrir nossa essência verdadeira e criativa da compaixão? Tara é outro nome para Quan Yin.

TOBIAS: Realmente – como dizer – você energeticamente transmitiu o alcance e a importância desse trabalho. Nós podemos simplesmente confirmá-lo aqui para você.

E isso nos dá a oportunidade de não apenas validar esse trabalho, mas encorajar todos vocês, Shaumbra, a começar o trabalho de SEU coração. Não esperem o espírito escrever-lhes uma nota para lhes dizer o que fazer, mas sigam seus próprios sonhos. Vocês têm sonhado. Vocês sabem que há coisas que adorariam criar... Escrever... Manifestar.... Programas para cura e re-equilíbrio.

E, vocês acham que não têm treinamento. Acham que não têm base para isso. Mas, caros amigos, dêem uma chance a si mesmos. Levantem-se, como o músico hoje (referindo-se a James Duel que cantou suas próprias composições para o grupo pela primeira vez). Abram-se.

Pode parecer assustador, às vezes. Mas, após tomar o gostinho disso – de ser quem realmente são, e partilhar sua energia – compreenderão agora porque nós estivemos por isso com vocês por todos esses anos. Vocês compreenderão o que significa ser um professor. Entenderão a resposta a pergunta, “O que ensinarei hoje? E, como ensinarei?”

Adoraríamos responder mais uma pergunta.

LINDA: Eu sabia.

TOBIAS: Sabíamos que você sabia. (muitas risadas)

PERGUNTA DO SHAUMBRA 11 (uma mulher ao microfone): Obrigada. Quero parar de fumar. E, anos atrás quando parei foi realmente uma experiência ruim. Minhas glândulas supra-renais se descontrolaram. E, foi assustador, e tenho medo de passar pela mesma coisa novamente. Eu peguei ao acaso o dia 1o de abril como data. Quero saber qualquer coisa que você possa me dizer sobre minhas chances de sucesso, e qualquer coisa que torne isso mais fácil, e talvez o que foi que tornou a coisa tão difícil na primeira vez. Obrigada.

TOBIAS: Realmente... O que torna isso tão difícil não é apenas as qualidades de dependência, mas também as qualidades emocionais de fumar... A habilidade de – como dizer – se esconder de si mesma... E, mais do que qualquer coisa, a capacidade de limitar a si mesma. Você fuma. E, então cai em toda a negatividade, e se esborracha no chão. E, não permite a si mesma ser uma Humana Divina.

Não importa pra nós se você é uma humana divina... ou uma divina humana fumante (algumas risadas). Não importa pra nós. Mas você aceitou toda essa energia negativa para permitir a si mesma pensar que é algo menos do que Deus também. Há momentos, você sabe, que até Deus gostaria de um cigarro (muitas risadas).

Para se liberar disso, compreenda que é uma liberação do medo profundamente internalizado de quem você é. Então, queremos que você imagine a si mesma em sua total glória, em sua completa expressão de vida. Queremos que imagine a si mesma como você realmente é – um professor, um professor que pode ajudar outros a atravessar corredores energéticos de suas mentes, de sua psique. Você é uma perita nisso. Praticou em outras vidas. Você até mesmo trabalha com isso em nosso lado do véu. Engraçado que você caia como presa nas próprias coisas que ensina, coisas que trabalha com os outros.

Então queremos que você imagine a si mesma como um ser humano totalmente exposto e expressivo. Não se preocupe com toda essa coisa de fumar agora. Não force ou lute com isso. Isso irá vencer se tentar derrotá-lo dessa maneira.

Então, queremos que comece a respirar, respirar conscientemente. Não importa se faz isso enquanto fuma ou não. Faça a respiração consciente. Re-descubra o que é verdadeiramente respirar. Até mesmo a encorajamos a trabalhar com alguns aqui que são peritos em respiração. Há um respirar, e depois um respirar. (algumas risadas)

Então, queremos que você re-estabeleça novamente o que é respirar, trazer seu corpo de volta a vida. Queremos que use seu corpo na forma física, através de exercícios. Faça seu corpo rejuvenescer mais uma vez. Você acredita que fumantes não podem se exercitar. E, não há razão pela qual não possam fazer isso, a não ser o que a sociedade coloca. Você aceitou tudo isso.

E finalmente, após passar por todos esses estágios – e não use o 1º de abril como uma data para cortar – dia terrível! (risadas porque o 1o de abril é o dia da mentira) Não marque nenhuma data.

Mas, depois de aprender a se imaginar em toda a sua glória divina...Após aprender novamente como respirar... E depois de volta a fazer exercícios com seu corpo...Pergunta então a si mesma o que escolhe fazer com isso. Pergunte a seu corpo o que ELE escolhe fazer. Pergunte a seu corpo se ele está pronto para se liberar ou não disso. Você ficará surpresa com as respostas que terá.

E, isso é para todos os Shaumbra, incluindo Cauldre, que também usa isso. Não lute. Ele vencerá. Vocês estão atuando aqui num jogo no qual foram estruturados a perder. Há uma maneira diferente de fazer isso.

E, pedimos aos outros aqui que... Fumantes ou não fumantes... Para ajudar a começar a ensinar a liberação, a liberação do fumo de uma maneira totalmente diferente. Não é através de luta e esforços tremendos – dessa maneira você perderá. Não é através de brincadeiras como essas gomas de mascar ou desses adesivos. Esses são temporários.

Mas, é através da respiração total. É com um pleno viver. É através de exercícios... Trazendo a si mesma de volta a vida... E não entrar em toda a negatividade associada a isso. Caros amigos, todas as energias negativas associadas ao fumo causou mais estrago do que o próprio ato de fumar. É tempo de liberar isso. Você vai ver que seu corpo vai querer menos cigarros por dia, ou talvez nem querer. Mas, primeiro passe por esses outros processos. Obrigado por ter sido a última questão, pois desejávamos ter essa discussão.

SHAUMBRA 11: Obrigada.

TOBIAS: Realmente. Shaumbra, pedimos a você agora – antes de terminarmos nossa reunião – para abrir suas asas mais uma vez, abram-nas. Sua imaginação...Deixe sua imaginação soar. Deixe-a sem o controle da mente. Entregue-a a alma mais uma vez.

Permita-se imaginar tudo que quiser... Tudo... Tudo que deseja. Traga de volta os potencias que você escolhe para a sua vida. Se quiser... Traga-os para dentro de sua vida. Inspire-os. Respire vida em sua imaginação, em suas escolhas. E, depois libere-as em sua dimensão humana, na qual você vive. Dê vida a elas. Dê a elas sua expressão própria. Não tente controlar. Não tente ditar. Simplesmente seja a observadora da nova criação na Nova Energia.

E assim é!


Tobias do Conselho Carmesim é apresentado por Geoffrey Hoppe, vulgo "Cauldre", Golden, Colorado. A história de Tobias, do bíblico Livro de Tobit, pode ser encontrada no web site do Círculo Carmesim: www.crimsoncircle.com <http://www.crimsoncircle.com> . O Material do Tobias é oferecido gratuitamente aos Trabalhadores da Luz e Shaumbra de todo o mundo desde agosto de 1999, época em que Tobias disse que a humanidade tinha ultrapassado o potencial de destruição e entrado na Nova Energia.

O Círculo Carmesim representa uma rede mundial de anjos humanos que estão entre os primeiros a fazer a transição para a Nova Energia. Enquanto eles vivenciam as alegrias e os desafios do status da ascensão, ajudam outros humanos em suas jornadas, compartilhando informações, atendendo e orientando. Mais de 50.000 visitantes vão ao web site do Círculo Carmesim todos os meses ler os últimos materiais e discutir suas próprias experiências.

Os encontros do Círculo Carmesim acontecem mensalmente em Denver, Colorado, onde Tobias apresenta as informações mais recentes através de Geoffrey Hoppe. Tobias declara que ele e os outros do Círculo Carmesim celestial estão, na verdade, canalizando os humanos. De acordo com Tobias, eles estão lendo nossas energias e traduzindo nossas próprias informações de volta para nós, de modo que possamos vê-las vindo de fora, enquanto as vivenciamos no nosso interior. O "Shoud" é uma parte da canalização em que Tobias fica de lado e a energia dos humanos é canalizada diretamente por Geoffrey Hoppe.

As reuniões do Círculo Carmesim estão abertas ao público. O Círculo Carmesim sobrevive com o amor sincero e a doação dos Shaumbra de todo o mundo.

O objetivo dos que fazem parte do Círculo Carmesim é servir de guias humanos e professores àqueles que seguem o caminho do despertar espiritual interior. Não é uma missão evangélica. Pelo contrário, a luz interior é que guiará as pessoas até você para receberem compaixão e atenção. Você saberá o que fazer e o que ensinar nesse momento, quando vier até você o humano precioso e único, pronto para embarcar na jornada da Ponte de Espadas.

Se você estiver lendo isto e sentir a verdade e a conexão, você é realmente um Shaumbra. Você é um professor e um guia humano. Permita que a semente da divindade cresça dentro de você agora e em todos os momentos que estão por vir. Você nunca está sozinho, porque a família está espalhada por todo o mundo e os anjos estão ao seu redor.

Por favor, distribua este texto livremente numa base não comercial e sem cobrar por ele. Por favor, inclua as informações na íntegra, inclusive com este pé de página. Todos os outros usos têm que ser aprovados por escrito por Geoffrey Hoppe, Golden, Colorado.

© Copyright 2003 Geoffrey Hoppe, P.O. Box 7328, Golden, CO 80403. Todos os direitos reservados.

Tradução para o português: Sonia Gentil – abril de 2004
soniagentil2002@yahoo.com.br