Perguntas & Respostas: Comendo o Elefante

OS MATERIAIS DE TOBIAS
A Série do Retorno: 
SHOUD 7: "Comendo o Elefante"
Apresentando Kuthumi Lal Singh
Canalizado por Geoffrey Hoppe

Perguntas e Respostas
Apresentado ao Crimson Circle
7 de Fevereiro, 2009





Namaste, queridos Shaumbra (a audiência responde: "Namaste"). Namaste. Do Deus em mim, cada parte minha, ao Deus em vocês. Da minha parte que não teme as energias internas ou externas, ao seu Deus que não tem medo de sentir tudo, viver tudo, e trazê-lo e experienciá-lo. Vamos dar início as suas perguntas.


PERGUNTA DE SHAUMBRA 1 (lida da Internet por Linda): Por favor, explique mais sobre expressar a sua verdade, porque isto parece estar criando muita confusão quanto ao que realmente seja esta verdade. Ela precisa ser uma verdade compassiva? A verdade com um pouco de discrição? Poderia ser que a verdade seja qualquer palavra que entre subitamente em minha cabeça? Aprecio o seu insight.

KUTHUMI LAL SINGH: Esta parece ser uma pergunta para Tobias, mas eu a responderei também. Você tem muitos aspectos diferentes seus, muitas personalidades diferentes de vidas passadas e esta vida e cada uma delas tem o seu próprio sabor. Mas, entretanto, nesta está a sua essência - o você verdadeiro. Não que o resto delas seja irreal, mas há esta profunda parte interna que tanto almeja se expressar. Assim quando você está perguntando sobre como expressar a sua verdade, ela está reprimida, ela está aguardando este momento de se conectar com o espaço que é o mais secreto, o mais simples e o mais alegre dentro de você. E isto será natural. Você ouvirá todas as vozes dos aspectos, cada um com a sua própria e determinada agenda, mas a um determinado ponto você compreenderá que está vindo da sua parte real. Obrigado. E não fique tão preso na verdade, versus não verdade, porque você compreenderá que não há nenhuma verdade simples. Não há nada que seja falso. Há, talvez, níveis mais intensos e mais encantadores da verdade.

LINDA: Bem, onde está a verdade?

KUTHUMI LAL SINGH: Dentro de você.

LINDA: Interessante.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 2: (uma mulher ao microfone): Está bem. Eu estou um pouco emotiva com isto, Kuthumi, pois eu não esperava ter esta oportunidade de falar com você nesta energia. Mas eu quero lhe agradecer muito pelo projeto em que estivemos trabalhando juntos, a alegria que ele me trouxe, e eu sei que você pode ouvir o meu coração cantando. E nós temos cerca de quatro dias, se houver algumas mudanças que você queira que eu faça, e você... (dando risadinhas), eu sei que estou me abrindo com isto. E seria melhor que você estivesse comigo na plataforma de lançamento no próximo mês.

KUTHUMI LAL SINGH: Certamente, eu estarei perto no próximo mês. E este é o momento em que a dúvida se arrasta e você começa a se preocupar "você fez isto certo?". Este é o momento para, novamente, apenas acreditar em si mesma e no que você está fazendo. O que não for apropriado terá um maravilhoso modo de evoluir e de mudar. Mas agora, novamente, este medo está se arrastando. Eu estou lhe pedindo que assuma esta bela criação e a mostre.

SHAUMBRA 2: Eu o farei. Obrigada.

KUTHUMI LAL SINGH: Certamente.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 3: (lida da Internet por Linda): Eu tive conhecimento recentemente de que os meus aspectos tentam me manipular através das vozes que ouço em minha cabeça. Eu...

KUTHUMI LAL SINGH: Realmente. Absolutamente! (Rindo). Eles estão fazendo o seu trabalho então, e você não está fazendo o seu! (risos)

LINDA: Este é para (Esvonel). Está bem. Eu deveria começar novamente?

KUTHUMI LAL SINGH: Sim.

SHAUMBRA 3 (lida da Internet por Linda): Recentemente eu tive conhecimento de que os meus aspectos tentam me manipular através de vozes em minha cabeça. Eu achava que era eu quem estava pensando, mas não. O que eu estou imaginando é se eles podem também me manipular para interromper o meu fluxo da abundância de algum modo. Eles podem? E como isto funciona?

KUTHUMI LAL SINGH: Como Tobias diria, eu amo quando vocês respondem as suas próprias perguntas (risos) e quando são tão iluminados que podem reconhecer o jogo que é jogado. A solução simples a isto - VOCÊ faz a escolha. Pare de permitir que estas OUTRAS partes façam a escolha. Você, o humano divino, aquele que toma as decisões, aquele que escolhe as suas criações, VOCÊ faz a escolha.

Agora há muito trabalho de integração aqui e o que eu gostaria que você fizesse pessoalmente é que você observasse a falta de espaço seguro a sua volta e por que está lá, porque isto é verdadeiramente - isto é realmente o maior problema. Por que você não está segura? Por que todos estes aspectos estão ainda tentando aterrorizá-la? E o que precisará para que eles voltem para casa?

LINDA: Obrigada.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 4: (um homem ao microfone): Olá, Kuthumi. É um prazer conversar com você. Há algum modo pelo qual possamos trabalhar juntos e eu possa me lembrar quando trabalhamos juntos? (risos, Kuthumi ri)

KUTHUMI LAL SINGH: A breve resposta a isto é sim. A breve resposta é também "nós trabalhamos", mas você tem um jogo muito interessante que você joga chamado de desmerecimento. Você não se permite acreditar que não está somente trabalhando comigo, mas muitos, muitos outros. Mas então você o mantém nestes reinos externos, não o trazendo aqui para baixo. Assim eu lhe pedirei que se permita ficar um pouco excêntrico. Eu sei que esta é uma das suas preocupações - muita preocupação. Você ficará absolutamente louco? Sim, mas não há nada como ficar louco (risos) - da minha própria experiência pessoal. A loucura é realmente quando você tenta se deter; e a loucura é quando você participa do jogo da dúvida que o impede de descobrir quem você é, de modo que possa continuar participar do jogo da dúvida, entende?

Assim, fique louco. Permita-se conversar comigo, com Adamus, ou seja quem for, em voz alta. Isto o trará, o solidificará nesta energia. Mas há este inacreditável tipo de energia "Eu não acho que posso confiar em mim mesmo, eu não acho que sou suficientemente digno". Obrigado.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 5: (lida da Internet por Linda): Primeiro, eu sei que você não retornou à Terra ainda, mas eu o amo e já sinto a sua falta.

LINDA: Eu também. Oh, isto é para Tobias, desculpe-me.

SHAUMBRA 5: (continuando): Eu estive com você no Círculo Carmesim desde 2000 e tenho participado da maior parte das aulas e escolas. Eu tenho sido uma professora espiritual muito bem sucedida nos últimos 12 anos e finalmente o meu trabalho chegou a um desfecho. Agora, aos 37 anos, eu sinto uma chispa de alegria ao conseguir fazer aquilo que eu quero realmente, entretanto eu estou paralisada e aterrorizada pela mudança. Eu era uma professora Standard capacitada, segura e alegre e agora sou uma simples mulher de meia idade, indecisa, amarga e assustada, sem foco ou direção. Esta não sou eu e como esta é a minha última existência, eu não quero desperdiçar o meu tempo participando de um drama de vítima. A minha pergunta é que mentira, camada, Carma, drama ou reação, está me conduzindo, e como eu libero isto para que eu possa avançar para explorar a vida sem medo? Obrigada.

KUTHUMI LAL SINGH: Esta pergunta tem muito a ver com o que eu abordei no Shoud de hoje sobre estar paralisada, estar se sentindo tão oprimida pelas mudanças dentro e fora de si mesma, que você fica paralisada. Que momento maravilhoso para trazer realmente toda esta energia. Permita-se senti-la como nunca sentiu antes. Permita-se não temer em assumi-la, mas permiti-la que venha. Há este processo natural de reciclagem e de transmutação envolvendo a Nova Energia que a levará além deste pequeno bloqueio que você tem aqui.

SHAUMBRA 5: Obrigada.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 6 (uma mulher ao microfone): Olá, jovem. (risos). Eu sei que você conseguiu um vínculo muito especial com os escritores e artistas Shaumbra, e eu gostaria de saber se há algo que você gostaria de compartilhar conosco hoje ou que possamos ouvir.

KUTHUMI LAL SINGH: Sim, eu gostaria, certamente. É que há tantas entidades, não apenas eu, Kuthumi, mas tantas entidades que estão desejando vir e trabalhar particularmente com os tipos criativos, porque há uma necessidade de que esta energia criativa flua. Mas como você sabe através de sua própria experiência pessoal, há esta grande dúvida - uma sombra de dúvida - que se instala. "Eles se apresentarão? Eles trabalharão comigo?" Ou: "Como eles trabalharão comigo?"

Eu quero que apenas permita que todos os escritores, artistas e músicos, compreendam que muito pode ser transmitido através destes meios criativos. É por isto que estamos aqui para ajudar. Não duvide de que estamos aqui, saiba que estamos aqui. É isto o que eu gostaria de dizer.

SHAUMBRA 6: Obrigado.

KUTHUMI LAL SINGH: Obrigado.

LINDA: Bem isto está encaminhado para Tobias, mas tenho certeza de que você ficará feliz de atender esta também.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 7: (lida da Internet por Linda): Querido Tobias, como você ousa nos dizer que estamos apenas participando de jogos, como se você nada tivesse a ver com os jogos que estamos jogando? Você disse no mês passado: "Há algo dentro de você que está escolhendo, selecionando e fazendo disso uma realidade". Você nos disse muitas vezes que tudo o que temos a fazer é uma escolha segura, consciente no momento do Agora e dessa forma criar a nossa realidade. Este é um jogo.

Nós escolhemos deixar ir as nossas velhas crenças que não mais estão nos servindo. Assim o que é este algo que está dentro de nós? Desde que parece que não temos nenhum controle sobre ele e de algum modo ele tem o poder de criar a nossa realidade sem o nosso consentimento, eu o chamarei de nosso eu alma. O jogo é que escolhemos adotar a nova crença de que podemos escolher a nossa realidade, mas é o nosso eu anímico que consegue fazer a escolha oficial e assim criar a nossa realidade. Nosso eu anímico está, obviamente, escolhendo criar de nossas velhas crenças que temos que deixar ir.

Saint-Germain disse que para finalizar o nosso processo da ascensão e ir ao nosso Terceiro Círculo é somente uma escolha. Eu fiz esta escolha há um ano aproximadamente e agora posso ver porque eu não sou verdadeiramente a criadora da minha realidade. Sim, eu estou cansada deste jogo e desejaria poder voltar oito anos e me esquecer tudo o que você nos disse. Entretanto, eu deixarei ir estas novas crenças e permitirei que a minha realidade seja o que é. Se há um Terceiro Círculo, não há nenhuma escolha para chegar lá. Isto explica por que estivemos presos neste processo da ascensão por aproximadamente 2000 anos. Nós estamos criando a nossa própria realidade, mas da parte da consciência de nós mesmos, é de algo do nosso interior e NÓS não temos escolha. Tobias, você realmente não compreende a nossa frustração? (risos)

LINDA: Isto está em letras bem grandes. Veja, eu não exagerei.

KUTHUMI LAL SINGH: Oh, querida. Oh, querida. Oh, querida! (mais risos). Eu quero me dirigir a isto em um nível muito compassivo, pois eu sinto a frustração. Não é fácil, especialmente do modo como você está abordando isso aqui. Uma tremenda soma de raiva, uma tremenda soma de negação, e isto continuará crescendo em intensidade mais e mais, até que basicamente você se permita liberá-la. E você pode fazer isto de um modo muito dramático.

Não importa o que lhe diríamos sobre a participação no jogo, você ainda está tão intensamente imersa no jogo que a única coisa... Eu estou checando aqui com Tobias desde que isto foi tratado com ele. Ele prossegue, "Oy, vey!" (risos). A coisa que lhes diremos, e verdadeiramente com o coração, é que os abençoamos não importa o que for que fizerem. Seja o que for - se quiserem participar dos jogos, se não quiserem jogá-los, se quiserem ficar raivosos ou não - nós absolutamente os abençoamos. Não há julgamento. Não há necessidade de corrigir nada. Não há nenhuma tentativa de levá-los a ver de um modo diferente. Nós absolutamente os abençoamos e os honramos no que estiverem fazendo. E... sim.

LINDA: E eu estou certa de que há realmente uma frustração genuína. Foi falado para mais do que simplesmente... para outros Shaumbra também.

KUTHUMI LAL SINGH: É em nome de tantos Shaumbra lá fora, porque pode ser frustrante tentar usar velhos conceitos, velhas idéias, e até mesmo os Shouds e as palavras que lhes falamos algumas vezes irem direto à mente e não ao coração. A mente tenta compreende-los e não simplesmente experienciá-los. Assim pode ser muito, muito frustrante e há uma tendência para torná-los complicados e difíceis, e em outras vezes ter algum tipo de fórmula mágica, e nenhum destes se aplicam verdadeiramente. Isto está se aventurando dentro de territórios absolutamente novos da consciência.

LINDA: Bem, você sabe, um monte de frustração é eu ouvir muitas pessoas e ter lido um monte destas perguntas e elas acreditam que literalmente ouviram e tentaram aplicar tudo em suas vidas. E assim quando há este espaço perdido entre o que elas realmente sentiram e verdadeiramente acreditaram que integraram e o que realmente aconteceu, há esta imensa frustração com muitas pessoas. E, como eu disse, eu li esta pergunta porque acho que não era indicativo somente para esta pessoa.

KUTHUMI LAL SINGH: Absolutamente, e há um ponto onde... nós expressamos palavras por muitos anos porque algumas vezes o humano precisa ouvir as palavras. Muito mais do que qualquer coisa, há uma transmissão ou uma participação de energia que é muito mais importante nas palavras, até apenas na simples respiração. Agora, se viermos aqui a cada mês e apenas dissermos : "Respirem por uma hora", a mente perderia o seu interesse e iria a outros lugares. Mas, de certo modo, podemos simplificar isto, dizendo: "Você é Deus também. Inspire isso e experiencie".

Isto estaria o destilando aos níveis mais leves, mas o jogo que algumas humanos jogam é que eles querem ouvir muitas palavras. Eles querem muitas fórmulas mágicas e estão procurando por elas dentro dos próprios Shouds. E ao invés de se permitirem a participarem deste grupo que está explorando novos territórios, e ao invés de se permitirem experienciar tanto o que vocês chamariam de beleza como dos desafios desta transição, eles querem - eles exigem - determinadas respostas que tornarão a sua velha vida humana mais tolerável. E não é por isto que estamos aqui.

LINDA: Obrigada.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 8 (uma mulher ao microfone): Olá, Kuthumi, é um prazer. Voltando a 2001, Tobias falou sobre o Lago Tahoe como sendo um lugar muito, muito especial, para os Shaumbra especialmente - muito sagrado - mantendo muitas energias que colocamos lá, até antes de encarnados na Terra. Há alguns anos, como você sabe, o escritório para o Círculo Carmesim estava lá. Muitos Shaumbra se sentiram conectados com isto e agora isto mudou novamente. E nos últimos meses, e especialmente semanas, eu senti muitas, muitas camadas preparando-se para partir e mudando, e eu estou apenas imaginando se você falaria de como as energias do lago, dos Shaumbra e de tudo isto, mudou no decorrer dos anos e na Nova Energia. Eu sinto que muitos Shaumbra estão muito - eles se sentem muito conectados com tudo isto.

KUTHUMI LAL SINGH: Sim, realmente, eu o explicarei de um modo bem simples. O lago é um lugar muito sagrado e especial para muitos, muitos Shaumbra. Ele alcançará o seu nível mais baixo nestes próximos anos e o seu ponto de maior stress. E nisto, naturalmente, é também a sua maior oportunidade para a sua transição, e é uma liberação de algumas energias muito belas que estão dentro do lago. Assim não observe - tendo que confirmar aqui com Cauldre - mas não diga que você deixou este lugar por bem, mas apenas se afastou temporariamente.

SHAUMBRA 8: Obrigada.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 9: (uma mulher ao microfone): Olá, Kuthumi. Esta manhã eu tive um destes momentos mágicos, criativos que não ocorrem muito freqüentemente onde uma idéia chega a sua mente repentinamente. E eu estive sentada aí, meditando sobre o fato de que eu estou tentando perder peso e, entretanto, adquirindo peso e tentando dizer que haverá um modo da Nova Energia de estar fazendo isto, ao invés de voltar aos velhos modos. Assim, a idéia que me veio foi de conversar com alguns canalizadores, experimentar o que eles me dizem, escrever um livro e deixar que os outros conheçam esta nova informação também. Assim a minha pergunta para você é - ainda que você somente tenha cerca de 30 segundos para dar a sua resposta - qual seria a sua contribuição para isto?

KUTHUMI LAL SINGH: Absolutamente, inegavelmente,sem dúvida, é deixar de tentar perder peso. Pare de tentar fazer todas estas manipulações. Isto incorre em um problema de confiar absolutamente que tudo tem efeito. Tudo é apropriado. Você poderia dizer nesta pergunta anterior que tivemos que há muita raiva, amargura e frustração, e talvez, legitimidade também. O que está faltando é a absoluta confiança inegável no eu e no eu como Deus também. Assim no momento em que você começa a tentar perder peso e parecer mais jovem, no momento em que você tenta manipular algumas destas energias, então você perceberá que isto realmente distorce ou inibe o que é realmente um processo muito, muito belo.

Você tem também uma imagem ou visão definida de como é este corpo ideal, mas e se houvesse um corpo que fosse até mais belo do que o que você está tentando definir com algum tipo de programa? Você está absolutamente deixando de experimentar isto. Assim o meu conselho é - se estiver perdendo peso, se estiver fazendo um projeto criativo, se estiver fazendo qualquer coisa - é deixar de tentar. Confie em seu próprio eu. E novamente, quantos modos podemos dizer isto, há um processo natural dentro de você. E freqüentemente nós dizemos isto, mas então o humano procura fora deles como um deus ou um espírito fará isto, mas absolutamente dentro de vocês. Então observam como isto funcionará. E amem o projeto, a propósito.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 10: (lida da Internet por Linda): Você poderia dizer algo sobre a síndrome de Down e como os pais deveriam lidar com isto, especialmente quando as crianças ficam mais velhas e algumas vezes com mais dificuldade para se adaptar.

KUTHUMI LAL SINGH: Realmente. Compaixão absoluta para o ser que escolheu vir. Compaixão absoluta por si mesmos por serem os pais daqueles com síndrome de Down. É uma condição humana desafiadora, mas além da condição humana há muitas coisas maravilhosas que estão ocorrendo, muitas descobertas e esclarecimentos importantes. Assim quando ultrapassarem a tentativa de ajustá-la e da compaixão, compreenderão por que este ser escolheu vir com a síndrome de Down.

LINDA: Mais duas perguntas?

KUTHUMI LAL SINGH: Certamente.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 11 (uma mulher ao microfone): Olá, Kuthumi. Nos últimos meses algo surgiu para mim e ainda que eu não possa trabalhar em um jardim, por alguma razão, eu estou construindo chácaras no meio de cidades. E eu estou sentindo que todos vocês são parte disto, e também eu quero lhe pedir formalmente que seja uma parte disto também. Você seria muito bem-vindo lá. E você teria algo a nos dizer sobre um projeto?

KUTHUMI LAL SINGH: Absolutamente. Como falamos antes, as energias de Gaia, que é uma energia do espírito - um ser anímico inigualável - estão deixando a Terra. Com isto, os humanos estão sendo solicitados a assumir a responsabilidade por este planeta Terra, por tudo o que se desenvolve nela e por tudo o que está vivendo nela. Todo este conceito de jardim em casa, tendo você um apartamento ou um canteiro muito pequeno, está colocando novamente os humanos em contato com a sua responsabilidade e com a sua conexão com a Terra. Assim, ao invés de terem grandes chácaras afastadas das cidades, estão trazendo esta matriz de energia novamente para o indivíduo, para a cidade. Você percebe que há um interesse muito, muito intenso nisto agora. Os humanos querem... eles sentem a necessidade de estarem conectados com qualquer tipo de vida, de cultivar coisas, e eles sentem também a necessidade de começar a assumir esta responsabilidade pelo que vive na Terra. Assim vocês estão embarcando em um projeto com uma base muito intuitiva, e nós estaremos lá.

SHAUMBRA 11: Obrigada.

LINDA: Última pergunta.

PERGUNTA DE SHAUMBRA 12: (um homem ao microfone): Olá, Kuthumi. E eu quero lhe convidar formalmente para trazer a sua presença a mim em um projeto em que estou trabalhando.

KUTHUMI LAL SINGH: Se você invocar o meu nome...

SHAUMBRA 12: Kuthumi!!

KUTHUMI LAL SINGH: Eu estarei lá. (risos)

SHAUMBRA 12: (cantando). Eu apenas invocarei o seu nome... E eu não canto. A maior parte de nós tem visto números nos relógios por muitos anos e há quase dois anos eu comecei 5:23 se apresentando diversas vezes para mim, e também nos últimos meses - 1:11. Eu tive uma experiência muito profunda há vários meses - um pouco há um mês - onde a luz do meu celular apagou e ficou reluzindo, embora nada estivesse chegando nele. E eu o ignorei por algum tempo e então finalmente eu olhei para ele para ver se tinha uma mensagem de texto, e ele não tinha. E assim que eu o acessei, havia uma mensagem em código Morse. O melhor que posso me lembrar é de ter conversado com outra pessoa, que era equivalente ao 523. Quando eu comecei a olhar para o 523 - 5, 2 e 3 sendo 10 é um 1, e o ano 2009 é um 11 - há o 111. Há três anos desde que estive neste edifício aqui, e é a 111ª reunião. Qual é o significado no 111 ou 523 para mim?

KUTHUMI LAL SINGH: Realmente. Realmente o significado nisto para você e para todos os Shaumbra é realmente que do caos vem a perfeição. Do que parece ser estes eventos diferentes, sem saber como eles estão acontecendo, é realmente um tipo de prova de que vocês são grandes criadores. Você sincroniza eventos diferentes, ainda que sinta que está vivendo no caos, e como pode trazer todas estas coisas ao ser. Estes eventos são realmente comandos ou momentos do seu próprio eu interior, de sua própria essência, mas se você entrar na matemática disto, isto está também lhe dizendo que tudo está em seu alinhamento e em sua ordem, ainda que a mente humana o considere o caos. Que momento maravilhoso então para ir a este nível adicional de deixar ir algumas necessidades de controlar, de manipular e realmente interromper a energia do caos.

Os cientistas, físicos e matemáticos estão apenas agora começando a pesquisar ou para observar a teoria do caos. E eles estão pesquisando... uma das minhas favoritas que é a matemática do caos, que parece ser um oximoro (figura que consiste em reunir palavras aparentemente contraditórias), mas absolutamente... a matemática do caos, quando tudo é retorcido e quando você coloca em uma variável que rompe a velha estrutura, é dada agora à energia a liberdade de buscar o seu novo nível. E ao buscar o seu novo nível ou a sua nova consciência, tudo parece estar no caos por um período de tempo. O humano está condicionado a querer a estrutura absoluta, a definição absoluta e a ter determinadas expectativas de resultados. Como ouvimos na carta anterior de um Shaumbra muito frustrado que está passando agora por uma tremenda quantidade de caos, nada parece funcionar. Mas se você se permitir absolutamente a entrar no caos - você se der a liberdade de mergulhar no caos - você descobrirá que há um novo nível do que chamaríamos de ordem, mas distinto de qualquer ordem que você já tenha experienciado no mundo da Velha Energia.

A ordem na Nova Energia é - como explicar isto - é a ordem na perfeição e não a ordem na ilusão no mundo da Velha Energia. Assim sabemos que estamos indo além de sua pergunta, mas é apenas um bom indicador para que você se permita no caos.

Agora provavelmente Cauldre e Linda receberão muitos e-mails excêntricos...

LINDA: Talvez.

KUTHUMI LAL SINGH: ... de pessoas dizendo que o Círculo Carmesim está ensinando o caos às pessoas e a trazerem todos os infortúnios e misérias do mundo e a aceitarem todas estas coisas terríveis que estão acontecendo no mundo agora. Absolutamente, nós estamos. (muitos risos).


E com isto, eu gostaria de contar uma história muito curta. Em minha existência como o Faraó, como Tuthmés, e nesta existência muito, muito precoce, quando eu era um Faraó muito jovem e estava ainda aprendendo a descobrir como ser um Faraó. Agora, este é um trabalho árduo - é um trabalho muito árduo - porque todos esperam que você seja um deus, mas nada em você indica que seja. Sua própria humanidade nem mesmo acredita nisto, assim imediatamente acontece uma contradição.

Mas eu era muito jovem em meus tempos de faraó quando subitamente uma praga de gafanhotos chegou a nossa terra, e os gafanhotos também trouxeram um tipo de inseto alado que tinha uma praga viral associado a ele. Assim os céus ficaram repletos ao ponto da escuridão com esta horda invasora de gafanhotos e de insetos, e eles começaram a devorar as plantações e a terra, que eram o nosso suprimento de alimentos. As pessoas começaram a ser contaminadas pela praga e a morrerem destes insetos que acompanhavam os gafanhotos. E a minha Tia Hepi, com quem eu compartilhava o trono - sim eu a chamei Hepi, realmente - chegou a mim e disse: "Jovem, o que propõe que façamos?" de um modo desafiador. E eu lhe disse que eu teria que ir verdadeiramente e refletir sobre isto. Enquanto isto, os sacerdotes e conselheiros se aproximaram, e sugeriram que entrássemos em alguns dos campos e começássemos a queimá-los, pois talvez a fumaça e até o calor afastasse os gafanhotos. Outros disseram que todos nós deveríamos entrar no esconderijo, para que a praga da doença destes outros insetos não nos matasse.

E depois de ouvir os meus supostos preceptores e conselheiros, e de sentir o que estava realmente acontecendo, eu voltei para a Tia Hepi e para os outros e disse: "Nós não faremos nada. Nada". Agora, imaginem... imaginem o olhar em suas faces. Imaginem o ponto em que eu estava me colocando ao nada fazer, porque, vejam, a reação humana quando há uma energia vindo até vocês é combatê-la ou fugir dela, e eu nada sugeri.

Após muitos debates inflamados e de receber muitos abusos e insultos e de ser chamado de algo menos do que um deus, finalmente eu declarei os meus direitos divinos e disse: "É assim que faremos". E o que aconteceu então foi muito surpreendente e impulsionou-me a ser um dos maiores Faraós de todos os tempos. (risos). Quando nós expressamos a palavra que nada faríamos, que consideramos isto um sinal dos deuses, que não combateríamos o que estava acontecendo, mas preferiríamos convidar o que estava acontecendo; quando finalmente enviamos esta mensagem a todas as pessoas de nosso reino, as energias mudaram imediatamente.

O que aconteceu posteriormente foi que uma grande tempestade se aproximou em uma parte do mundo, onde não havia tempestades tão intensas. Choveu. O vento soprou. A Terra sacudiu, muito, de modo que os gafanhotos e a praga de insetos foram afastados ou extintos. E em um período muito, muito curto, eles foram completamente banidos de nossas terras. As chuvas trouxeram novamente a saúde para as plantações restantes e criaram novas plantações também. Isto levou o rio a ser acessado, para suprimentos alimentares, nutrição e energia para todos nós, e eu fui declarado um deus. E vocês podem ser também.

Neste momento de caos na Terra, neste momento em que as energias parecem estar investindo, neste momento onde é tão difícil pensar que vocês podem assumir ou assimilar algo mais, agora é o momento de não resistir, mas o momento de se abrirem. Parece ser uma contradição, mas é a física da Nova Energia. E enquanto vocês se abrem, enquanto se permitem a sentir e a conhecer absolutamente, ela os movimenta para o seu próximo nível. E é onde vocês, também, serão proclamados deuses também.

Namaste.



Tradução: Regina Drumond reginamadrumond@yahoo.com.br
Revisão: Silvia Tognato Magini silvia.tm@uol.com.br


Tobias do Conselho Carmesim é apresentado por Geoffrey Hoppe, com o pseudônimo de "Cauldre", Golden, Colorado. A história de Tobias, do bíblico Livro de Tobit, pode ser encontrada no web site do Círculo Carmesim: www.crimsoncircle.com. O Material do Tobias é oferecido gratuitamente aos Trabalhadores da Luz e Shaumbra de todo o mundo desde agosto de 1999, época em que Tobias disse que a humanidade tinha ultrapassado o potencial de destruição e entrado na Nova Energia.

O Círculo Carmesim representa uma rede mundial de anjos humanos que estão entre os primeiros a fazer a transição para a Nova Energia. Enquanto eles vivenciam as alegrias e os desafios do status da ascensão, ajudam outros humanos em suas jornadas, compartilhando informações, atendendo e orientando. Mais de 50.000 visitantes vão ao web site do Círculo Carmesim todos os meses ler os últimos materiais e discutir suas próprias experiências.

Os encontros do Círculo Carmesim acontecem mensalmente em Denver, Colorado, onde Tobias apresenta as informações mais recentes através de Geoffrey Hoppe. Tobias declara que ele e os outros do Círculo Carmesim celestial estão, na verdade, canalizando os humanos. De acordo com Tobias, eles estão lendo nossas energias e traduzindo nossas próprias informações de volta para nós, de modo que possamos vê-las vindo de fora, enquanto as vivenciamos no nosso interior. O "Shoud" é uma parte da canalização em que Tobias fica de lado e a energia dos humanos é canalizada diretamente por Geoffrey Hoppe.

As reuniões do Círculo Carmesim estão abertas ao público. O Círculo Carmesim sobrevive com o amor sincero e a doação dos Shaumbra de todo o mundo.

O objetivo dos que fazem parte do Círculo Carmesim é servir de guias humanos e professores àqueles que seguem o caminho do despertar espiritual interior. Não é uma missão evangélica. Pelo contrário, a luz interior é que guiará as pessoas até você para receberem compaixão e atenção. Você saberá o que fazer e o que ensinar nesse momento, quando vier até você o humano precioso e único, pronto para embarcar na jornada da Ponte de Espadas.

Se você estiver lendo isto e sentir a verdade e a conexão, você é realmente um Shaumbra. Você é um professor e um guia humano. Permita que a semente da divindade cresça dentro de você agora e em todos os momentos que estão por vir. Você nunca está sozinho, porque a família está espalhada por todo o mundo e os anjos estão ao seu redor.

Por favor, distribua este texto livremente numa base não comercial e sem cobrar por ele. Por favor, inclua as informações na íntegra, inclusive com todo este pé de página. Todos os outros usos têm que ser aprovados por escrito por Geoffrey Hoppe, Golden, Colorado. Veja a pagina de contatos no website http://www.crimsoncircle.com/

© Copyright 2009 Geoffrey Hoppe, P.O. Box 7328, Golden, CO 80403. Todos os direitos reservados.