Perguntas & Respostas: Desconectar III

O MATERIAL DE TOBIAS
Série da Clareza: "SHOUD 9"
Apresentando Tobias
Canalizado por Geoffrey Hoppe 

Perguntas e Respostas
Apresentado ao Círculo Carmesim
1 de Abril de 2006



E assim é, queridos Shaumbra, que continuamos com a energia deste encontro da Nova Energia, a classe da Nova Energia, vocês, os físicos Shaumbra da Nova Energia.

Queremos acrescentar algumas observações ao Shoud de hoje. Primeiramente, sobre essas Sementes Destino que discutimos. Foram postas aí por vocês como forma de evitar que ficassem presos nas próprias criações. Vocês as colocaram aí para garantir que mudariam ou trocariam a energia. Foi um tipo de sistema à prova de erros. É um tipo de rede de segurança que vocês colocaram para garantir que continuariam a se mover e a evoluir nesta vida. 

Mas agora... Agora que vocês já passaram por muitas mudanças, agora que toda a sua energia foi acelerada, agora que vocês já limparam boa parte do passado e que percebem que não têm de ficar presos em suas próprias criações... é oportuno desativar ou liberar totalmente essas Sementes do Destino.

Vocês não têm de passar dias ou meses trabalhando nisso. Criamos uma energia hoje neste Shoud, uma energia para Shaumbra, para que essas Sementes do Destino pudessem ser liberadas imediatamente. Elas são apenas uma forma de consciência, uma forma de... um tipo de Ponto de Separação, e podem ser liberadas com muita facilidade. Algumas delas foram incrustadas energeticamente no seu corpo físico, em determinados órgãos do corpo, mas elas podem ser liberadas com a mesma facilidade com que fizemos hoje. Um pouco de respiração, permissão, permitindo a mudança – e elas se vão.

Percebemos que inclusive depois do Shoud alguns de vocês ainda estão preocupados achando que não conseguiram liberar tudo, que as sementes estão emperradas. (Risos). Queremos garantir a vocês que elas podem ir embora muito facilmente. Garantimos que vocês não precisam se preocupar com elas e se vocês se virem preocupados ou com medo delas, uma vez mais, respirem fundo, permitam que essas Sementes do Destino sejam desativadas ou completamente liberadas da sua base de realidade. Permitam que elas partam. Elas não vão voltar. Elas não voltam. Alguns se preocupam “E se a sua energia não mudou o suficiente, elas voltarão?” Não há mais necessidade delas agora.

Também queremos falar brevemente da Velha Terra e da Nova Terra que ainda não será desta vez que se fundirão. Como isso afetará o que vocês estão fazendo? Como isso afeta os seus entes queridos que vão permanecer na Terra da Velha Energia?

Primeiramente, do seu ponto de vista, na verdade, vai permitir que vocês se movam mais rápido ou, no mínimo, com menos dificuldade, com menos obstáculos. Isso vai permitir que recebam mais graças para a sua expansão e evolução e – no que vocês chamariam – de num prazo mais curto. Portanto, se vocês já passaram pelo processo de integração na Nova Energia de forma mais suave e rápida, pensem talvez por um momento ou sintam como podem ensinar, guiar ou ajudar de maneira mais efetiva os que optaram por ficar para trás. Vocês podem voltar para eles como professores, por exemplo, de uma forma muito mais clara do que antes. Podem, ainda, guiá-los de forma mais eficiente quando eles optarem por fazer a transição para a Nova Energia.

Portanto, apesar de parecer que essa notícia seja ruim ou negativa, na verdade, ela tem muitos benefícios. Ainda que essa sensação de separação continue, compreendam que eles escolheram isso, vocês escolheram isso, e respeitem a adequação de tudo isso. E com isso, teremos muito prazer em responder as suas perguntas.

LINDA: Obrigada. Esta é referente à desconexão, suponho.


PERGUNTA DO SHAUMBRA 1 (da Internet, lida por Linda): Olá, desculpe, mas não entendo as razões pelas quais a família tradicional deve se desfazer. Minha esposa, que era uma ávida seguidora de Tobias nos deixou – não apenas a mim, mas aos filhos também. Sou uma pessoa espiritualizada, aberta, que não maltrata, violenta, recrimina ou não apóia a esposa. Sou o oposto disso. Sou compreensivo, não bebo, não minto, não impeço minha esposa de fazer o que ela quer, atendo a todas as suas necessidades e permito que ela seja ela mesma.

Entretanto, após ter freqüentado o seminário de cura sexual e o seminário do Dreamwalker, para o qual não tínhamos dinheiro mas assim mesmo concordei que ela fosse, minha esposa agora rejeita qualquer coisa relacionada com esta família, seus filhos e eu. Se ela me rejeita, isso é problema dela, mas por que as crianças? Temos dois meninos, um de 6 e outro de 10 anos, que precisam da presença da mãe em suas vidas. Ela agora diz que depois dos seminários, nosso amor não é mais real e que é apenas um velho sistema de crenças, assim como “família”. Você acha isso certo? Seus Shouds foram mal interpretados? Você pode me explicar por que minha esposa rejeita a mim e a tudo o que tem a ver com esta família? Por favor, tente explicar.

TOBIAS: Certamente. Excelente pergunta que traz à tona muitas questões para você que está fazendo essa pergunta, para sua família e para todos os Shaumbra. O que acontece quando se desconectam? O que acontece quando deixam ir? Precisa ser feito do modo como você descreve aqui? Os Shaumbra têm realmente que ir embora e deixar suas famílias? Cada caso é um caso. Seria muito difícil para nós dar uma resposta generalizada.

Às vezes, uma ou mais pessoas do círculo familiar sente que é necessário desligar-se completamente do compromisso – não por falta de amor, não por egoísmo, nem por rejeição à velha maneira – mas percebem que precisam saltar fora por um momento. Precisam romper algumas das dinâmicas da Velha Energia que estavam ocorrendo. 

Você diz na sua pergunta que não faz nada dessas coisas terríveis, o que parece ser verdade. Mas ainda assim havia alguns jogos da Velha Energia, seja honesto consigo mesmo e pense nisso. Não estamos fazendo nenhum julgamento, mas estamos dizendo, talvez neste caso, que um dos membros... Sua esposa, um dos membros desta família... tinha uma percepção interna de que deveria quebrar o velho círculo – ainda que isso significasse ir embora. Essa atitude quebrou os velhos padrões que estavam ocorrendo entre todos vocês desse círculo familiar. 

Você diz que talvez sinta que ela não o ama mais, que não ama as crianças, mas vamos pedir que analise um pouco isso. Talvez o amor seja tão grande e tão forte que ela quisesse romper alguns velhos jogos que estavam acontecendo. Talvez isso que ela fez seja a forma mais elevada de amor, uma vez que temos um caso aqui hoje – a Velha e a Nova Terra – NÃO se juntaram neste momento. Talvez fosse a Velha Terra amando tanto o potencial da Nova Terra que disse “Vou te apoiar atrás”. Agora, ISSO é amor. Isso é compaixão.

Queremos que você observe, não do ponto de vista de vítima neste jogo, mas da adequação do potencial e da possibilidade da criação do novo se, e quando, ela voltar para a família. O que pode ser recriado na família para o benefício de todos – as crianças, você mesmo.

Você sabe que o nível de energia estava caindo porque você também sabe que as finanças estavam decaindo, e você culpa a situação financeira de muitas coisas, mas observe. Havia uma energia parada na família, que estava se manifestando na forma de enfermidades todos vocês, desequilíbrios no sistema físico, desequilíbrios nas finanças e em tudo o mais.

Talvez, apenas talvez, você pudesse observar sua esposa e perceber que ela fez uma das coisas mais difíceis, mais desafiadoras, que mais machucam é ter coragem para ir embora, romper a velha dinâmica de modo que agora cada um possa recriar sua família de uma maneira nova, se quiser. Obrigado.

LINDA: Obrigada.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 2 (mulher ao microfone): Tobias, minha filha está sofrendo muito. Há alguma coisa que você possa sugerir ou uma mensagem para ela?

TOBIAS: É uma situação dificílima quando um humano decide sofrer. É muito difícil. E a primeira coisa é compreender que eles criam isso e por mais difícil que isso possa parecer, é preciso entender que fazem isso por uma razão. Como mãe, seu coração fica partido, seus olhos ficam cheios de lágrimas ao ver qualquer Ser, principalmente quem você ama, quem você trouxe a este mundo, passar por tamanha dificuldade. 

Sim, há algo que você pode fazer. Literalmente, você – e vamos pedir para que faça isso de maneira bem simples – literalmente você pode segurar suas mãos, respirar com ela e com suas próprias palavras encontrar uma maneira de dizer “Você não precisa sofrer para chegar lá. Não é preciso sofrer pelo carma – você pode liberar o carma a qualquer momento. É uma escolha sua. É sua escolha divina. Você não está fechada ou presa nessa armadilha. Você não precisa de nenhum tipo de remédio milagroso. Não é preciso procurar de forma dramática – o que você chamaria – de cura externa. Você pode optar por liberar isso aqui e agora. Mas é preciso ser honesta consigo mesma. Você consegue soltar o sofrimento?” Diga isso a ela. Explique com SUAS próprias palavras, com SEUS próprios termos – algo que faça sentido.

Mas ela estava ligada a um velho padrão – o que vocês chamam de carma – inflingindo-o a si própria, parte dela vai negar que esteja fazendo isso, porque ela está tentando imaginar ou projetar um modo de permanecer nesse sofrimento. Ela não tem que ficar nisso. Nenhum de vocês tem de sofrer – fisicamente, emocionalmente, financeiramente nem de qualquer outra maneira. Ela pode optar por liberar isso.

Agora, a parte mais difícil para você, é respeitar a escolha dela – não importa qual seja. Pode ser que ela escolha NÃO escolher nada neste momento. Pode ser que ela escolha contemplar por um momento. A parte mais difícil será você honrar isso. Obviamente, seria ótimo se ela escolhesse liberar essa energia de sofrimento – e liberar rápido, por sinal. A parte mais difícil será se ela optar por manter essa situação. Pedimos a você que respeite não importa qual seja a sua escolha. Esse é o maior desafio da compaixão. 

Vamos pedir outra coisa a você. Você pegou muito desses atributos energéticos para você. Você está carregando muito dessa bagagem energética com você. Acha que está ajudando sua filha, e não está. Não está lhe fazendo nenhum bem. Isso não está dando a você maior empatia, compreensão ou sabedoria e você não aliviou nenhum pouquinho o sofrimento dela. Portanto, vamos pedir-lhe que pegue essa energia que tomou para si, o sofrimento dela e solte, ainda que ele volte para ela. Não funciona bem com você. Na verdade, você não a está ajudando e, para dizer a verdade, você não está sendo um bom professor nem um bom exemplo para ela ao assumir sua dor. Com isso, estamos lançando um desafio a você. Obrigado

SHAUMBRA 2: Obrigada.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 3 (da Internet, lida por Linda): Tobias, na minha humilde e humana compreensão de sair da consciência de massa, deixei vencer a licença do meu carro, não tenho seguro saúde, nem de veículo e não declarei impostos no ano passado, uma vez que acredito que esses são todos exemplos das camada hipnóticas que nos confinam. Recentemente recebi notificação do Imposto de Renda de que eles gostariam de receber minha declaração e recebi uma multa bem pesada! (risos) Como podemos realmente nos desligar da consciência de massa se os governos municipais, estaduais e federais têm todos esses sistemas para nos encontrar? Entendi mal? (mais risos)

TOBIAS: (Rindo). Sim, não completamente, nem tudo o que você entendeu está errado. Entretanto, entretanto, você – você e muitos outros Shaumbra – ainda estão tão envolvidos nos antigos sistemas de crença e em camadas de medo... estão ainda tão interligados a essas velhas redes... ainda estão operando no mundo da terceira dimensão a partir do velho sentido de dualidade... que agora vocês estão brigando com o sistema do qual na verdade fazem parte.

Vamos dizer o seguinte: Primeiro, desligue-se de todas essas coisas velhas, antes de sair brigando com o sistema, porque neste exato momento, o sistema é muito forte. Exatamente agora – digamos – você está lutando com a dualidade dentro dela. Permita-se desconectar-se completamente e ascender e depois você vai descobrir que, de certo modo, o sistema nem sequer o vê mais. Agora eles ainda vêem você! A energia deles está focada em você. Você está muito visível para eles.

Vá em frente e cuide dessas coisas – que eu chamaria – coisas incidentais, de modo que neste exato momento você possa focar sua energia nesse processo de desconectar-se do Velho e ativar a sua essência, porque agora ainda será muito difícil fazer este trabalho se estando tão ligado a essas coisas tão mundanas. E todos vocês vão observar, à medida que liberam a velha energia, as velhas camadas e as velhas redes, o sistema não os enxergará mais. Vocês não têm que “não” pagar impostos – simplesmente eles não vão saber que vocês deveriam pagar impostos. Obrigado. 

LINDA: Minha – Acho que estou saltando à vista! (risos)

PERGUNTA DO SHAUMBRA 4 (mulher ao microfone): Saudações, Tobias. Ainda que a pergunta anterior estivesse ligada à minha primeira pergunta, gostaria de aproveitar e perguntar o modo como você quer que as coisas sejam. Justamente tenho lutado muito para criá-las da maneira que quero que sejam. E também gostaria de perguntar sobre meu pai.

TOBIAS: Certamente. Quanto a criar as coisas da maneira que você quer que elas sejam, vamos entrar mais nesse assunto no próximo Shoud. Vamos trabalhar alguns instrumentos reais, portanto não coloque os carros na frente dos bois aqui, por favor. Primeiro deixe-nos trabalhar a desconexão. É muito difícil trabalhar alguns desses instrumentos da Velha Energia se, mais uma vez, vocês ainda estão conectados ao mundo da Velha Energia.

Quanto ao seu pai ... precisamos fazer algumas verificações... nem sempre....

SHAUMBRA 4: Foi há dois anos.

TOBIAS: Sim, sim, foi há pouco tempo. Nem sempre temos essas informações diretamente à mão. Vocês acham que somos muito espertos, mas nem sempre sabemos tudo!

SHAUMBRA 4: Precisamos de um diretório Shaumbra! (risos)

TOBIAS: (rindo entre dentes) Entendemos... estão nos dizendo que este ente querido já está de volta na Terra reencarnado. Você ainda não o encontrou nesta encarnação, mas é bastante provável que o encontre. 

SHAUMBRA 4: Obrigada.

TOBIAS: E não vivendo na mesma área geográfica em que você se encontra agora.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 5 (da Internet, lida por Linda): Tobias, algum comentário sobre o aumento de peso de alguns Shaumbra recentemente. (risos)

TOBIAS: Também há muitos Shaumbra perdendo peso neste momento! Vamos pedir a todos para não se focar em coisas como peso. O corpo tem sua própria rede, a sua própria maneira de lidar com a energia. e, de certo modo, quando dissemos no Shoud de hoje que “Deixem que tudo flua naturalmente”, quando vocês começam a interferir demais em coisas como o peso, há uma tendência a inibir o processo natural que está ocorrendo. Vocês vão encontrar flutuações de peso, assim como flutuações do sono e de tudo o mais.

Vocês têm algumas expectativas, que na verdade são camadas ou redes de consciência sobre peso e corpo e inclusive seus médicos dizerem que peso demais é ruim. Mas, como dissemos, a ciência, neste momento – os fatos científicos – nem sempre são verdadeiros. Seu corpo sabe exatamente o que fazer. Seu corpo sabe que quantidade de peso e de energia precisa armazenar. Neste nível e nos outros. Ele vai se equilibrar sozinho. Principalmente quando vocês pararem de se preocupar demais com isso, ele não vai sentir a necessidade de carregar todo aquele peso. Mas, por favor, soltem o conceito de qual é o peso adequado, há coisas mais importantes que vocês precisam fazer nesta vida. E talvez algumas pessoas possam pensar que estão um tanto rechonchudos (risos), mas eu pessoalmente prefiro um humano bem redondinho (mais risos, Tobias rindo). 

PERGUNTA DO SHAUMBRA 6 (mulher ao microfone): Olá, Tobias. Como não tenho perguntas, gostaria de dizer: conforme prometido, o mês passado foi brutal. E eu queria aproveitar a oportunidade para agradecer a todos vocês do outro lado pelo imenso apoio, presença e ajuda tangível, tão evidentes e próximos, porque foi um mês excepcional. E ainda quero dizer, sabe, o que vem a seguir? (alguns risos, Tobias rindo entre dentes) Conseguimos passar por essa ... mas, acima de tudo, obrigada. Foi muito real e não sabemos como conseguimos fazer sem você lá. 

TOBIAS: Apreciamos isso, mas vamos pedir a você para dar uma olhada na energia real por trás disso. Obviamente, estamos aqui. Adoramos trabalhar com vocês e apoiar você e todos os Shaumbra, mas quem realmente aplaudiu você no mês passado foi a sua essência. Estávamos lá ajudando a facilitar alguns movimentos de energia, mas mais do que isso, você se viu em uma situação – não de total desespero, mas na mesma direção do desespero – por descobrir que você tinha que sair das maneiras convencionais de receber resposta e introduzir energia. Você estava realmente soltando-se ou desligando-se em um nível, religando-se consigo mesma ou sua essência, em outro. Portanto, você deve agradecer primeiro a você e depois aceitaremos os agradecimentos para nós.

Foi um mês difícil porque você é muito sensitiva, e os Shaumbra geralmente são muito sensitivos. Você estava sentindo toda essa energia muito densa, pesada da Terra neste momento e alguns de vocês acham que é de vocês. Acham que é problema com vocês. Nós ficamos estimulando-os a compreender que não é nada com vocês. Vocês simplesmente estão sentindo essa Energia da Velha Terra e a Energia da Nova Terra adiando o casamento por um momento.

SHAUMBRA 6: Observei que muitas pessoas à minha volta, inclusive eu mesma, viveram experiências explosivas de divisão muito profundas na Velha Terra, seja com os pais ou com outras coisas, e foi incrivelmente útil receber explicações sobre o que estava acontecendo, porque até aquele momento foi tudo muito doloroso. Portanto, obrigada.

TOBIAS: É uma boa oportunidade de lembrar os Shaumbra, mais uma vez – mais uma vez e mais uma vez – que não é nada com vocês. Vocês estão sentindo o que está ocorrendo na Terra, às vezes sentem aspectos de vidas passadas, às vezes energias novas entrando precipitadamente. Vocês fingem – não só você, querida, mas os Shaumbra em geral – vocês fingem que é com vocês. Fingem que criaram algum tipo de dificuldade para suas vidas, mas vocês estão apenas sentindo a energia de outras pessoas e a energia da consciência de massa em tudo. Se não permitirem que isso os iniba ou afete suas vidas, serão mestres bem melhores e mais sábios para os outros. Obrigado.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 7 (da Internet, lida por Linda): No CD “What´s On Earth”, você nos dá a receita para criar: Nossa imaginação mais as energias do Campo. Agora você nos diz para nos desligarmos do Campo! (risos) Você pode explicar melhor isso?

TOBIAS: Certamente. O Campo é algo que ... um instrumento que vocês sempre usaram. E o Campo, conforme discutimos nesse CD, tem varias camadas ou níveis diferentes. Se você estiver ensinando criação e ensinando outras pessoas a usar a imaginação, precisa saber que elas ainda estão retirando energia do Campo.

Entretanto, vocês mudaram. Os tempos estão mudando, e até mesmo o modo como vocês desenvolvem energia está mudando. O Campo agora, que vocês estão prontos, está dentro de vocês. Não é uma dinâmica ou força externa. Não é uma energia externa. O Campo ainda está aí, mas vocês o integraram. È de vocês mesmos. Não precisam buscar fora. 

Depende do nível de consciência em que estão e de onde está seu Campo, daí a nossa referência a isso naquela discussão. 

LINDA: Onde está Kuthumi? (Risos)

TOBIAS: Isso não é uma pergunta (rindo entre dentes).

LINDA: É a Minha pergunta!

TOBIAS: Kuthumi está bem longe, bem distante – oh, como dizer – fora de comunicação com a Terra, bem distante dos reinos Próximos da Terra, fazendo um trabalho muito importante relacionado ao que vamos fazer em grupo na reunião ... no último Shoud do ano. Ele foi para tão longe que nem mesmo nós estamos em contato com ele, ele está reunindo um – digamos – um tipo muito interessante de energia ou apresentação para esta Conferência do Solstício de Verão.

LINDA: Obrigada por me responder.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 8 (mulher ao microfone): Olá, Tobias. Às vezes eu tenho grandes dores de cabeça, principalmente em um lado da cabeça, tenho também muita tontura, vertigem, coisas assim. 

TOBIAS: Bem-vinda aos Shaumbra! (risos)

SHAUMBRA 8: Bem, foi o que eu imaginei, mas ao mesmo tempo conheço uma pessoa que me diz que tenho entidades grudadas em mim e que estou tentando salvar o mundo em algum nível e elas são atraídas por isso. Quero saber se isso é possível ou se isso é energia parada ou se é apenas expansão de consciência, porque às vezes me sinto muito expandida. 

TOBIAS: Sim. Você quer entidades grudadas em você?

SHAUMBRA 8: Não.

TOBIAS: Não – então não estão! (risos). Se você as quisesse, traríamos algumas para você (mais risos), mas não, não são ... esse é um tipo de energia de drama, dizer que você tem entidades, e também uma energia de irresponsabilidade porque você diz “Não sou eu, é por causa dessas entidades grudadas em mim”. Mas mesmo que estivessem grudadas, porque você não as tiraria?

Não, simplesmente você está passando por mudanças, sintomas de Shaumbra, e é muito freqüente essas mudanças afetarem a cabeça... outros Shaumbra dirão que tendem a sentir pressão na cabeça... porque estão mudando a maneira de operar na Terra. Funcionar na Terra tem sido um tipo de atuação muito mental desde a Atlântida, e vocês estão mudando a maneira de operar. Trata-se literalmente de reprogramar ou religar o circuito elétrico e magnético que vocês têm no Ser e, às vezes, isso causa dor de cabeça. Toda vez que vocês passam por mudanças, ela cria um pouco de desconforto durante certo período e é essa a causa da dor de cabeça. A desorientação é porque você está expandindo para outros reinos. 

Então, sugerimos a você e a todos os outros Shaumbra: Não permitam que ninguém coloque em vocês energia que não seja própria de vocês. Às vezes ficamos preocupados porque alguns Shaumbra ainda escapam e vão consultar adivinhos (risos) e os adivinhos dizem coisas que poderiam ser apenas potenciais e não realidades. 

Às vezes, os adivinhos confundem vocês com o cliente que saiu antes. Misturam as energias. Não fazem isso de propósito, mas porque não estão na Nova Energia. E agora de repente vocês entram na realidade de outra pessoa – a última pessoa que sentou naquela cadeira. Não é nem um problema seu, mas vocês o assumem como seu.

Portanto... então queremos dizer a você que o que está acontecendo com você neste momento é simplesmente o movimento de dentro da Nova Energia, o processo de mudança.

SHAUMBRA 8: Ótimo, obrigada.

TOBIAS: Por nada.

LINDA: De acordo com minha programação, não a sua, esta seria a última pergunta.

TOBIAS: Responderemos mais algumas.

LINDA: Eu sabia. Eu sabia. (risos)

TOBIAS: Não perguntamos ao Cauldre antes, nós só ...

LINDA: Oh, obrigada, obrigada, porque era isso que eu estava... Está bem, obrigada.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 9 (da Internet, lida por Linda): No verão de 2004, liberei minha energias e senti que elas me deixaram. Sinto-me livre delas mas, no entanto, meu corpo ainda mostra reações alérgicas. Por quê?

TOBIAS: Sim. Como muitos Shaumbra descobriram, vocês desenvolveram reações alérgicas mesmo que não tivessem quando eram mais jovens, de repente passaram a ter alergia. O que acontece é que o seu sistema está ficando muito, muito sensível – extremamente sensível – e por isso, coisas que nunca os incomodaram antes agora estão incomodando. 

Essa é uma situação temporária enquanto a sua nova biologia aprende a se adaptar às sensibilidades e às coisas externas... a tudo desde coisas que causam alergias até energias mais densas e pesadas que causam dores de cabeça... enquanto aprendem a fazer ajustes para permanecer em um ambiente não só com outras pessoas mas também com outras entidades. Quando se expandem para outros reinos, vocês sentem outras entidades. É um processo de adaptação

Não é nada que devam combater, mas podem trabalhar com a respiração – novamente voltamos ao simples, sabemos que alguns de vocês acham que somos simples demais – mas trabalhar com a respiração ajuda a reequilibrar todas as suas sensibilidades e ajuda a lidar melhor com elas para que não invadam seu corpo, mente ou espírito. Obrigado.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 10 (da Internet, lida por Linda): Querido Tobias, tenho um filho obcecado por sexo. Ele tem 7 anos. Sonha que está tendo sexo com garotos mais jovens e mais velhos. Ele olha para o meu corpo ostensivamente. Pedi que sentasse no sofá para conversarmos. Ele me olhou e perguntou se iríamos fazer sexo. Ele deixa minha cabeça pirada. Ele provoca as pessoas. Adultos e crianças reagem muito mal a ele. Ele agora me causa repulsa. Não consigo acariciá-lo nem beijá-lo. Às vezes, sinto que não consigo lidar com isso e tenho vontade de abandonar meus filhos. Por favor, ajude-me. 

TOBIAS: Sim. Eis aqui uma pessoa que tem uma energia de vida passada que foi trazida para esta vida, e não é só dele. Ele também está assumindo muito da dinâmica de abuso sexual dos ancestrais, e ele fazia parte dessa linhagem de ancestrais. Você também, e outros membros da família, mas é ele quem está atuando nisso agora. 

Por causa dessas energias muito fortes, ele também atraiu energias externas a ele. Algumas são energias não-físicas ou o que vocês chamam de fantasmas ou energias ligadas à Terra. Algumas delas literalmente vêm da Terra. Ele basicamente tem um tipo de radar e receptor que busca e capta energias sexuais. Ele nunca se satisfaz. É uma energia da qual ele se alimenta e que necessita para continuar se alimentando de forma ininterrupta.

Há uma necessidade de um trabalho muito profundo e sério. Não é nada com o que você consegue lidar sozinha, porque você também faz parte do problema tanto quanto as outras energias envolvidas aqui. Você vai precisar de ajuda externa adequada e não será fácil. Não vai piorar, mas se você não fizer isso antes da puberdade, o problema vai complicar e ele vai acabar numa instituição, na prisão ou morto. 

Por isso, agora cabe a você mudar isso, e isso pode ser discutido em particular se você precisar de mais informações sobre onde ir. Mas, essa é uma em energia sexual totalmente fora de controle. E sabemos que você percebeu isso e que essa informação não é nova para você. Obrigada.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 11 (mulher ao microfone): Alô, Tobias. Uma vez mais estou virando minha vida de pernas para o ar, parece. Em alguns dias, serei uma sem-teto com uma passagem só de ida para a Europa – para a Holanda. Parece...

TOBIAS: Vamos pedir para você parar exatamente aí.

SHAUMBRA 11: Está bem.

TOBIAS: Você está criando uma realidade para você, uma espiral na sua realidade que não se baseia na verdade. 

SHAUMBRA 11: Em poucos dias serei livre.

TOBIAS: Obrigado. Há um pouco de energia de vítima rondando e vamos chamar sua atenção na frente desse grupo. Sim ... você estabeleceu uma energia muito ruim para acompanhá-la. O que você está criando na sua vida?

SHAUMBRA 11: Liberdade total.

TOBIAS: Obrigado. (risos)

SHAUMBRA 11: Sinto que vou voltar em alguns meses, mas de uma forma totalmente nova, e eu gostaria de saber se você tem algum bom conselho para mim. E obrigada... você tem me ajudado a crescer tanto nos últimos anos. Te amo muito, obrigada.

TOBIAS: Sim, obrigado. Vai levar mais de alguns meses para você voltar. Vai haver – digamos – o que você chamaria de outra ... uma série de eventos que vão além do que você acha que é seu plano agora. Em outro nível há um plano maior que pode se desdobrar. E poderá parecer que tudo estará de pernas para o ar novamente, como você diz, mas é um plano muito maior, com uma expansão muito maior que poderá se desdobrar.

Mas, você tem que abandonar as energias de vítima para que isso aconteça. Não poderá haver mais o papel de vítima enquanto você arruma as malas e segue em frente, entende? É essa energia que, mais do que qualquer outra, tem inibido você. E obrigado por nos permitir usar de franqueza.

SHAUMBRA 11: Muito Obrigada.

PERGUNTA DO SHAUMBRA 12 (da Internet, lida por Linda): Minha pergunta é esta ...

LINDA: Última pergunta, por sinal.

SHAUMBRA 12 (Linda continua): Minha pergunta é esta: Tenho uma possibilidade de estabelecer uma comunidade envolvendo um centro de cura entre outras coisas. Sou uma mãe solteira de um menino de 6 anos e moro no Reino Unido. É um grande movimento e mudança para o meu filho, etc. Sinto que estou recebendo sinais para fazer isso, mas tenho problemas para saber se essa é a coisa certa ou não. Sinto um chamado, o que você acha? Estou apenas tendo pensamentos de fuga ou eu deveria realmente tirar meu filho da escola, mudar da Inglaterra para a Irlanda e envolver-me com isso ou não? Espero que você possa me ajudar, estou me sentido terrivelmente confusa. 

TOBIAS: Certamente. Há uma forte atração para você e para os outros Shaumbra para abrir o que vocês chamam centro de energia para realizar trabalhos de cura. Isso faz parte da energia e da consciência de Shaumbra há bastante tempo. É decorrente da sua forte paixão e desejo de ser professor. 

Vamos fazer uma sugestão aqui pra você pessoalmente, mas vale para todos os Shaumbra, e falaremos mais sobre isso mais tarde: Se o trabalho for só seu, faça-o. Siga seu coração. Se o centro for só seu, siga seu coração. Mas, neste momento, nesta energia, o “coletivo” não funciona. Esta energia... quando você tenta colocar-se com outros humanos, a energia não funciona, nem mesmo com outro Shaumbra.

Isso pode mudar. Novamente, nesses próximos meses, vamos discutir algumas dinâmicas muito interessantes que vêm ocorrendo com vocês há várias vidas. Vamos falar de como, em algum ponto na Atlântida, ocorreu uma construção consciente coletiva. Houve uma construção em comunidade. Muito esforço foi colocado em uma energia comum ou de comunidade. Mas, vamos explicar e analisar algumas das razões pelas quais isso não funcionou e por que agora a “comunidade” não é adequada. Pode ser que dê certo mais tarde, mas agora é hora de você fazer o SEU trabalho, entende?

Isso faz parte de todo esse tema da desconexão. Se você se envolver com um grupo de pessoas, estará somente se religando a elas, neste ponto. Siga seu coração, faça seu trabalho e observe o desdobramento de tudo isso. Esperamos que você compreenda, com nossa resposta aqui, o que recomendaríamos para este ponto da sua caminhada.

E com isso, Shaumbra, foi um dia brilhante com todos vocês! (risos) Há muito para se digerir aqui, para se assimilar. Pedimos para que não vejam tudo isso com o mental. Vamos pedir-lhes, principalmente nos próximos dias, para fazer a respiração e se lembrar que isso é um processo natural. Não precisam forçar nada nem controlar nada. Permitam que tudo flua naturalmente – todo esse processo de desconexão da matriz, de voltar para a sua essência. 

Às vezes, novamente, um pouco assustador, um pouco desconfortável. Mas vocês estão aprendendo como é ser o seu próprio deus e o seu próprio Eu, um Ser verdadeiramente soberano. É um processo bonito, deixem que ele ocorra. 

E assim é.



Tobias do Conselho Carmesim é apresentado por Geoffrey Hoppe, com o pseudônimo de "Cauldre", Golden, Colorado. A história de Tobias, do bíblico Livro de Tobit, pode ser encontrada no web site do Círculo Carmesim: www.crimsoncircle.com. O Material do Tobias é oferecido gratuitamente aos Trabalhadores da Luz e Shaumbra de todo o mundo desde agosto de 1999, época em que Tobias disse que a humanidade tinha ultrapassado o potencial de destruição e entrado na Nova Energia.

O Círculo Carmesim representa uma rede mundial de anjos humanos que estão entre os primeiros a fazer a transição para a Nova Energia. Enquanto eles vivenciam as alegrias e os desafios do status da ascensão, ajudam outros humanos em suas jornadas, compartilhando informações, atendendo e orientando. Mais de 50.000 visitantes vão ao web site do Círculo Carmesim todos os meses ler os últimos materiais e discutir suas próprias experiências.

Os encontros do Círculo Carmesim acontecem mensalmente em Denver, Colorado, onde Tobias apresenta as informações mais recentes através de Geoffrey Hoppe. Tobias declara que ele e os outros do Círculo Carmesim celestial estão, na verdade, canalizando os humanos. De acordo com Tobias, eles estão lendo nossas energias e traduzindo nossas próprias informações de volta para nós, de modo que possamos vê-las vindo de fora, enquanto as vivenciamos no nosso interior. O "Shoud" é uma parte da canalização em que Tobias fica de lado e a energia dos humanos é canalizada diretamente por Geoffrey Hoppe.

As reuniões do Círculo Carmesim estão abertas ao público. O Círculo Carmesim sobrevive com o amor sincero e a doação dos Shaumbra de todo o mundo.

O objetivo dos que fazem parte do Círculo Carmesim é servir de guias humanos e professores àqueles que seguem o caminho do despertar espiritual interior. Não é uma missão evangélica. Pelo contrário, a luz interior é que guiará as pessoas até você para receberem compaixão e atenção. Você saberá o que fazer e o que ensinar nesse momento, quando vier até você o humano precioso e único, pronto para embarcar na jornada da Ponte de Espadas.

Se você estiver lendo isto e sentir a verdade e a conexão, você é realmente um Shaumbra. Você é um professor e um guia humano. Permita que a semente da divindade cresça dentro de você agora e em todos os momentos que estão por vir. Você nunca está sozinho, porque a família está espalhada por todo o mundo e os anjos estão ao seu redor.

Por favor, distribua este texto livremente numa base não comercial e sem cobrar por ele. Por favor, inclua as informações na íntegra, inclusive com todo este pé de página. Todos os outros usos têm que ser aprovados por escrito por Geoffrey Hoppe, Golden, Colorado. Veja a pagina de contatos no website http://www.crimsoncircle.com/

© Copyright 2006 Geoffrey Hoppe, P.O. Box 7328, Golden, CO 80403. Todos os direitos reservados.

Traduzido por: Sonia Bidutte bidutte@terra.com.br