Canalização de Adamus Saint Germain - Conferência de Verão 2006

Os Materiais de Tobias

Conferência de Verão da Nova Energia - 2006
Breckenridge, Colorado - 16 de julho de 2006
Apresentando Adamus Saint Germain
Canalizado por Geoffrey Hoppe


Eu sou, sim eu sou Adamus do Circulo Carmesim. E Cauldre, e todos os Shaumbra que estão reunidos aqui, Shaumbra que estão escutando e Shaumbra que ainda vão chegar, nunca digam nunca.

Minha posição no Conselho Carmesim é a de organizador e manifestador. Eu tenho a responsabilidade de proporcionar uma convergência de energias, energias que são usadas em nosso lado do véu e no lado humano, e hoje, com Shaumbra, é um dia de convergência.

Se vocês olharem para a astrologia e para a numerologia do dia, compreenderão por que escolhemos estar aqui neste momento. Vocês compreenderão por que, considerando que vocês tinham planejado originalmente que a sua conferência fosse às margens do grande e belo Lago Tahoe, e isto não foi possível. Por toda a convergência de energias, incluindo as escolas e as aulas que vocês tiveram neste exato local no passado, tornou-se necessário voltar aqui novamente.

Eu sou responsável por providenciar a organização de energias, porque de certa forma vocês poderiam dizer que as energias estão em um estado potencial e algumas vezes no que vocês chamariam de estado de caos. Vocês chamam isto de caos somente porque não vêem os potenciais que existem em cada - cada - parte de energia que os cerca, que está dentro de vocês, e que está em outras dimensões.

Como seres angélicos e como membro do Conselho Carmesim, eu ajudo a prover esta organização através da convergência de energias, e isto é exatamente o que nós vamos fazer hoje. Hoje é um dia de convergência e de iniciação, e vamos ter uma iniciação que é o ponto culminante de eras; centenas e milhares de anos de trabalho de sua parte; é o ponto culminante de sete anos de trabalho muito intenso juntos, como Shaumbra e como Conselho Carmesim.

Eu, Adamus Saint-Germain, já fui o responsável por estabelecer muitas e muitas organizações e ordens na Terra antes: Os Cavaleiros Templários, os Maçons os legendários, mas muito reais, Cavaleiros da Távola Redonda e meus favoritos, os Illuminati. Embora os Illuminati tenham ficado com má fama devido às influências daqueles que não gostavam do que eles ensinavam - anunciando a fusão de ciência e espiritualidade, ensinando a verdade - Os Illuminati são os mais queridos ao meu coração até este momento.

Shaumbra há muitas, muitas peças apoiando o que vocês estão fazendo. Do nosso lado do véu, há o Conselho Carmesim. É uma ordem especial, não é parte diretamente da Ordem do Arco. É uma força-tarefa ou unidade especial responsável pelo ensino. O Conselho Carmesim reúne algumas das mais elevadas energias angélicas da Ordem do Arco para colocá-las a serviço do ensino em todos os reinos e na Terra. O Conselho Carmesim é o que os apóia no trabalho que vocês realizam, os seres angélicos que chegam para ajudar a orientá-los como Professores, para ajudar a orientá-los em sua própria vida, para trazer-lhes alguma informação nova que vocês mesmos armazenaram para o momento apropriado. Este é o papel do Conselho Carmesim.

Depois, há também a Universidade Shaumbra, que foi criada como ferramenta de apoio, ferramenta de treinamento e de aprendizagem para os Shaumbra que são professores - e vocês são todos professores de alguma maneira ou de outra. A Universidade Shaumbra foi criada inicialmente nos reinos não físicos há cerca de dois mil anos e foi incubada. Ela foi preparada para o trabalho que vocês fariam aqui na Terra caso a era da Nova Energia chegasse. E ela chegou.

Há também a sua nova Companhia de Energia do Círculo Carmesim. Ela fornece energia para apoiar todas as suas atividades. A Companhia de Energia do Círculo Carmesim é também o canal, o mecanismo de fluxo que permite a energia de outros reinos - dos reinos angélicos e dos reinos cristalinos - fluir para dentro e depois para fora de vocês nos planos terrestres para apoiá-los no trabalho que estão realizando. Sua fachada é uma companhia, uma corporação, porém uma companhia aberta e acessível a todos que desejem participar. Os responsáveis pela Companhia de Energia do Círculo Carmesim são os responsáveis pela adequação do fluxo e da ordem da energia para a Universidade Shaumbra e para outras entidades e estruturas que apóiam o seu trabalho.

Não se iludam com isso, Shaumbra. Não se enganem pensando que há um fluxo de energia e que esse fluxo recebe estrutura ou ordem do que vocês chamariam caos ou nada, mas é um potencial verdadeiro, e esta estrutura ou ordem é importante para o trabalho que vocês fazem. É basicamente um foco ou uma direção. Trata-se da alimentação ou do fluxo de potenciais que surgem para se manifestar no mundo físico que os rodeia e na realidade física que vocês precisam para sustentar sua existência na Terra.

Não há nada errado com a estrutura. É muito apropriada, mas conforme vocês vêm aprendendo há cerca de sete anos, o importante sobre a estrutura é mantê-la maleável, muito flexível e aberta, livre para mudar a sua forma a qualquer momento. É importante mudar a energia da estrutura, ancorá-la no tipo de criação que vocês escolheram criar, e então permitir a sua abertura, permitir a sua capacidade de mudança e fluir em resposta a vocês e ao estado da realidade em que se encontram em determinado momento. Muito freqüentemente quando a energia é estruturada, ela se aplica ao momento, mas depois ela não tem permissão para se libertar e para deslocar-se para o momento seguinte junto com vocês. Então, vocês criam algo chamado história ou bagagem, porque vocês não aceitaram que a estrutura se movimentasse livremente com vocês.

Assim, há o Conselho Carmesim, a ordem angélica que os apóia; a Universidade Shaumbra, que é realmente o coração e a alma do trabalho de Shaumbra; a Companhia de Energia Círculo Carmesim, que flui e apóia com energia e falta uma peça. A peça que nós e vocês estamos preparando há muito, muito tempo e mais intensamente nos últimos sete anos.

Vocês têm essa coisa chamada Conselho Carmesim. Ela é um - como se diz - um tipo indefinido de organização. É uma palavra que veio significar algo, que está se preparando para o dia da convergência. Ela vem se preparando para a iniciação.

Assim, hoje, a todos os que estão reunidos conosco de alguma maneira, aspecto ou forma, hoje realizaremos uma iniciação. Uma iniciação da Ordem do Conselho Carmesim, que é de vocês.

Hoje nós vamos iniciar a energia do Conselho Carmesim e cada um que escolher se tornar um Standard – um Standard do Conselho Carmesim. Nós escolhemos cuidadosamente a palavra "Standard”. No passado, usamos palavras como "cavaleiros", "sacerdotes", ou outro tipo secreto de palavras para identificar os participantes da Ordem. Escolhemos a palavra "Standard", para os que quiserem ser iniciados hoje. E agora vocês compreendem porque Tobias pediu que não houvesse iniciações, meditações, ou qualquer coisa desse tipo. Guardamos isso para este momento com os Shaumbra.

Um Standard é um nível de qualidade. Um Standard é um alicerce e um pilar. Um Standard se torna um exemplo para outros. Um Standard é um farol de luz. Um Standard é algo que traz a energia adequada para o momento.

Assim, nós escolhemos, juntamente com vocês, talvez com um pouco de relutância, a iniciação dos seus Standards, iniciando-os na Ordem do Conselho Carmesim.

Essa iniciação traz de volta alguns problemas. Se vocês estão sentados aqui nesta sala, se vocês estão fisicamente presentes, vocês fizeram parte de uma ordem ou de uma sociedade secreta no passado, não fizeram? É por isso que nos conhecemos uns aos outros, é por isso que vocês e eu conectamos nossas energias. Para alguns, as ordens remontam aos Essênios. Para outros, aos Cavaleiros Templários. Outros ainda, à Fraternidade. Outros, aos Illuminati e, para alguns em particular, à Rosa Cruz.

As ordens são criadas, no momento adequado, para a humanidade. As ordens são criadas para trazer estrutura, foco, organização e manifestar as energias específicas para um momento específico.

Nós sabemos que isto traz alguns problemas para vocês e, especificamente, para o meu amigo Cauldre, pois muitos de vocês disseram, "Nunca, nunca, nunca mais". Sim, realmente, Cauldre e eu brigamos um pouco na noite passada (alguns risos). Ele estava em um estado de grande ansiedade como alguns de vocês estão experienciando neste momento. Se vocês sentirem o coração palpitando, se sentirem o suor nas mãos, se sentirem um pouco de ansiedade, é porque vocês já fizeram parte de alguma Ordem antes. E nessas ordens, muito sangue foi derramado, muito sangue jorrou e quase sempre era o seu (alguns risos).

Vocês foram perseguidos por suas crenças. Foram perseguidos pelo que estavam tentando fazer naquele momento. Devido a sua experiência com as Ordens, as Ordens que vocês amaram tão profundamente, vocês passaram por muitas dores. E não foi apenas pelo sangue, era a dor emocional.

A dor emocional para muitos de vocês se deveu a terem sido obrigados a deixar a ordem. A lembrança de se ver diante do conselho na Terra naquele momento e ser obrigado a partir. O sentimento de rejeição, o sentimento de ser colocado fora de um grupo que vocês amavam tão ternamente, a que vocês se entregaram tão carinhosamente, por quem vocês lutaram, que vocês defenderam.

Mas eu lhes peço para reservarem este momento para lembrar e sentir a energia daquele momento, quando lhes pediram para partir, e o motivo pelo qual lhes pediram para partir. E embora isto lhes tenha causado dificuldades e sofrimentos desde então, havia uma razão, meus queridos.

Vocês tinham crescido muito por seus próprios méritos. Vocês tinham se tornado tão iluminados e experientes por sua própria conta que a Ordem não era mais apropriada a vocês. Foi-lhes pedido para partir e descobrir coisas por si próprios, sair, buscar, aprender e crescer por conta própria, de maneira que pudessem se reunir novamente neste momento, neste dia de convergência, com tudo o que tinham aprendido ao longo do caminho, com a sua sabedoria e seu amor, com as lições que vocês aprenderam sobre vocês mesmos e sobre a humanidade e trazê-las de volta a este ponto.

Vocês estiveram fora colhendo Vida, aprendendo Vida. Vocês foram o professor que partiu para se tornar um novo estudante, de modo a poder retornar mais uma vez como um novo Professor. Foi por isso que lhes pedimos para partir. Foi uma honra, embora naquela ocasião não parecesse. Foi uma bênção para vocês e para o Tudo O Que É.

Vocês estiveram sozinhos por um longo tempo. Às vezes, foi escuro e difícil. Mas agora nós voltamos juntos nesta convergência de Shaumbra para reunir nossas energias e nos reorganizar de uma nova maneira sob o estandarte da Ordem do Círculo Carmesim no Planeta Terra.

Esta é a primeira Ordem espiritual – todos são bem-vindos - a primeira Ordem espiritual da Nova Energia. Sabemos disso porque ajudamos a organizá-las. Sabemos disto porque vemos quem sai e quem volta. Nós vemos quem organiza e quem verdadeiramente está na Nova Energia. Então este é um dia particularmente abençoado para todos nós que nos reunimos aqui iniciando a primeira Ordem na Nova Energia.

Vocês são os Standards - se quiserem. Faremos a iniciação em alguns momentos, tão logo revisemos o Caminho dos Standards da Nova Energia.

· O Caminho dos Standards começa com o Eu.

1. Trata-se primeiro de amar a si mesmo, pois como vocês podem servir aos outros, como podem ajudar outros se não aprenderam a se amar. Muito do que vocês aprenderam em sua solidão desde que lhes pediram para deixar as velhas ordens, foi descobrir o amor do Eu. E para descobrir o amor, vocês tinham que encontrar a escuridão. Tinham que sentir a rejeição, o ódio e a solidão, de modo que pudessem voltar sabendo como era verdadeiramente apaixonar-se por si próprios.

2. E em seguida, com o Eu, no Caminho dos Standards, devem seguir a sua própria verdade. Vocês aprenderam como era seguir a verdade de outros e, como diria Kuthumi, é muito ruim (risos). Vocês aprenderam que seguir a verdade de outros conduz a um beco sem saída, conduz à ansiedade e à depressão, conduz à confusão dentro de vocês. Mas quando vocês seguem a sua própria verdade, é límpido; é visível; é puro.

3. E o Caminho dos Standards, também tem a ver com confiança em si próprio. Oh, nestes sete anos que se passaram vocês se divertiram confiando em tudo o mais - espírito, guias, sua própria mente - tudo além de vocês mesmos, de modo que pudessem compreender agora como é ouvir esta abençoada voz interior, e não é uma voz secreta, pois vocês a descobriram. É uma voz tão clara e pura que vocês sabem que é a sua verdade.

4. E no Caminho dos Standards em direção ao Eu, há abundância também. Vocês saíram nestes milhares de anos e descobriram como é viver na carência e na pobreza, viver em um sistema de crença em limitações. Vocês aprenderam como é ser mendigo, sofredor. Aprenderam como é negar o fluxo de energia para a sua vida. Mas agora como Standard da Ordem do Circulo Carmesim, vocês aceitam o caminho da abundância.

Abundância em cada forma de sua vida com as energias apropriadas fluindo para vocês no tempo exato e no momento exato em que precisarem dela. Não entregue nas asas de anjos, não entregue como um presente do espírito, mas como algo que vocês estão escolhendo e manifestando para vocês mesmos em sua própria vida e descobrindo que a abundância é natural. Abundância é fluxo. A abundância é a expressão do amor que vocês têm por vocês mesmos.

· No Caminho do Standard da Ordem do Conselho Carmesim, também está a Criação, e há quatro pontos para a criação.

1. O primeiro é assumir a responsabilidade por sua própria criação. Vocês aprenderam que ninguém mais é responsável por sua vida. Vocês não são vítimas. Ninguém está fazendo isso para vocês. Vocês estabelecem uma série elaborada de movimentos de energia que permitem à criação – a sua criação - vir para a sua vida. Vocês não podem responsabilizar ninguém mais, não podem ser vítimas de abuso de outra pessoa. O Standard assume a responsabilidade por suas próprias criações.

2. O ponto número dois das criações é dar às suas criações vida e liberdade. Uma coisa é criar algo, outra é abençoá-la com sua energia divina de força de vida e permitir a sua vida, permitir a sua liberdade. Assim, freqüentemente, os humanos criam para depois controlar, mas isso deixa uma verdadeira carência, um verdadeiro vácuo de energia e um verdadeiro desequilíbrio de energia.

Mas quando vocês criam algo em suas vidas, sopram vida em sua criação e depois a libertam. Ela pode crescer. Ela pode crescer de uma forma que a mente humana não consegue compreender. Ela pode crescer para potenciais que vocês nem sequer imaginam que estão lá hoje. Dar vida, soprar vida e liberdade para as suas criações é como o relacionamento entre pai e filho. Os pais geram um filho, mas não o possuem. O pai educará o filho, mas no final tem que deixá-lo partir, crescer por sua própria responsabilidade. Agora, a diferença é que as suas criações são sempre suas, são sempre parte de vocês, então por que limitá-las?

3. Vocês querem insuflar vida em cada criação. Respirem vida em si próprios como Professores. Respirem vida em tudo que vocês querem de abundância para a sua vida. Dêem-lhe liberdade para crescer. Dêem-lhe a liberdade da beleza, da alegria e da expressão que isso voltará para vocês de muitas maneiras.

O Standard do Conselho e da Ordem do Conselho Carmesim nunca limita as suas criações, nunca tem expectativas quanto ao resultado. Não há limites. Vocês criam e nunca restringem. Permitem que o fluxo seja contínuo. Todas as criações são flexíveis.

4. O caminho do Standard é Gnost - ponto número quatro - Gnost. Tobias falou sobre gnost outro dia. Gnost é a solução. Gnost é o fluxo criativo. Gnost é uma energia que não tem sido usada há éons, e quando gnost chegar, estender-se-á sobre o divino e o humano, e como um criador enquanto um Standard, vocês permitirão que gnost flua. Em vez de acuados e restritos por problemas e desafios, vocês simplesmente permitirão que gnost chegue para apresentar a solução clara e franca.

· E o Caminho do Standard da Ordem do Conselho Carmesim, é também Vida.

1. E o primeiro ponto da vida é escolher a vida. Escolher a vida a cada momento e a cada respiração. Escolher estar aqui na Terra neste tempo incrível, nesta mudança para a Nova Energia. Escolher a vida a cada dia, deixar corpo, mente, gnost e espírito saberem que vocês estão escolhendo ficar aqui. Quando vocês escolherem ficar no corpo físico, ele mudará toda a composição de sua estrutura energética e, portanto, atrairá um tipo de energia totalmente diferente para vocês. Se vocês escolherem a vida, atrairão energias de escolha de vida para vocês.

2. Na vida, o segundo ponto é ter compaixão por tudo. Primeiramente, compaixão por si próprio. Compaixão por tudo que vocês têm feito; compaixão por cada experiência que já tiveram; compaixão por aquele momento em que lhes pediram para deixar uma das antigas Ordens. Oh, foi um fardo muito pesado em seu coração e em sua história. Observem isto agora. Observem o amor que seus anciães tiveram quando eles lhes pediram que partissem. Observem a compaixão que eles tiveram ao pedir a um líder amado e a um líder honrado para deixar a Ordem que eles tinham ajudado a criar com vocês.

Tenham compaixão por cada pessoa, cada experiência; compaixão por aqueles que são vítimas e pelos que abusam; compaixão por aqueles que estão tendo dificuldades e problemas na vida, porque eles estão escolhendo isso. Compaixão significa honrar a escolha deles e sorrir para a pessoa sem lar, sorrir para aquele que está em desvantagem ou incapacitado, sorrir para aqueles que são ricos e poderosos, sorrir para todos. Isto é compaixão. O Standard tem compaixão por tudo e a compreensão de que tudo está sendo escolhido e expresso apropriadamente.

3. Na vida...na vida, o terceiro ponto é aceitar as bênçãos da vida. Há muitas. A vida está aqui para servi-los. A vida está aqui para servir a tudo. Ela é plena de bênçãos. Há bênçãos abundantes ao seu redor neste momento - bênçãos de Gaia, bênçãos de outros humanos, bênçãos que ocorrem a cada momento. Cada pessoa que vocês encontram na rua, cada pessoa com a qual vocês se relacionam, cada animal, cada pássaro, cada brisa que acaricia a sua face é uma bênção. Ela tem uma razão e um propósito em sua vida. Aceitem todas as coisas como uma bênção. Não como um acidente, não como algo que apenas acontece por acontecer, mas como um evento sincrônico e uma bênção em sua vida, e vocês começarão a apreciar a vida de uma maneira totalmente nova.

4. Ser um Standard da Ordem do Conselho Carmesim, também se trata de honrar a vida como vocês honram a si mesmos e honrar-se como a vida os honra. Este é o princípio de Yeshua. Significa que, "Tratem aos outros como gostariam de ser tratados". Há uma energia recíproca para tudo. Tratem a vida como vocês gostariam que ela os tratasse. Tratem-se bem, queridos. Tratem-se bem.

· No Caminho dos Standards da Ordem de Círculo Carmesim na Terra está também - a quarta categoria - está também ser professor. É isso que vocês são, Professores, e o primeiro ponto é:

1. Sejam professores para todos que vierem a vocês - e haverá muitos. E eles virão em muitas formas e aparências, eles virão a vocês de maneiras bastante distintas. Não virão necessariamente só através da inscrição em um workshop. Podem vir como alguém que vocês dão de cara em uma loja, como um colega de trabalho, como um filho, um pai, um amigo. Virão a vocês de todas as maneiras e formas.

O importante a observar aqui é que eles virão a vocês. O Standard não evangeliza nem prega porque o Standard honra. Mas o Standard também sabe que eles virão a vocês no tempo certo. E então escutem. Escutem. Não se trata de pregar nem de tentar ensinar. Apenas escutem. Vocês saberão o que dizer no momento exato. Vocês serão capazes de perceber e sentir com eles no mesmo nível. Vocês serão capazes de se conectar simultaneamente com o Eu divino deles, e com o Eu humano deles, e vocês saberão as palavras exatas para dizer. Vocês são professores e eles virão a vocês.

2. O segundo ponto no Caminho do Standard sobre ensinar, é compreender que vocês são professores da alegria. Não é um dever. Vocês não são nomeados para fazer isso. Vocês não têm que fazer isto. Isto não é um arco que vocês têm que saltar, não é um serviço que vocês têm que suportar para passar para o próximo nível. Vocês não estão sendo solicitados por nenhum dos Seres angélicos no Circulo Carmesim para fazer isso, a não ser que essa seja a sua alegria. Se vocês ensinarem porque sentirem isso como um dever, terão um dever. Vai ser um esforço. Vai ser difícil, e seus estudantes virão a vocês com a mesma energia de dever e isso não trará satisfação. O Standard ensina em alegria.

3. O Standard também - ponto número três da lição - o Standard também ensina sem expectativa de recompensa. Não há ganho de pontos para isso, vocês não recebem um assento melhor no Conselho Carmesim (alguns risos). Vocês não vão ser um DreamWalk melhor só porque são professores. Não há recompensa, e o paradoxo é que se vocês ensinarem na alegria para aqueles que vierem até vocês, tudo estará lá para vocês. Mas se vocês estiverem fazendo isso esperando recompensa, a energia se anulará. Não ensinem pela recompensa, mas compreendam que a recompensa está lá no momento do Agora.

4. E o quarto ponto para os Shaumbra em relação à lição é ensinar o gnost, ensinar dei un gnost para todos que chegarem até vocês, e isso pode levar algum tempo. Pode levar meses ou anos para chegar ao ponto onde vocês poderão falar as palavras "dei un gnost" para eles; ao ponto em que eles compreendam como é completar a quarta perna de sua cadeira humana; trazer a energia de gnost para se unir ao corpo, mente e espírito. Mas vocês os guiarão e os ensinarão pelo processo de gnost.

Estes são os dezesseis pontos divididos em quatro categorias com quatro pontos cada um para os Standards...O Caminho dos Standards na Ordem do Conselho Carmesim.

Agora é o momento da nossa iniciação e ela será uma escolha. Será através da sua escolha. Será uma escolha silenciosa para cada um de vocês. Se não escolherem hoje, poderão escolher algum outro momento. Se não estiverem aqui pessoalmente, se estiverem escutando, podem escolher agora ou mais tarde. Se estiverem lendo ou escutando isto fora deste momento do Agora, compreendam que estão verdadeiramente neste momento do Agora, transpondo tempo e espaço para estar aqui, e também podem escolher agora ou mais tarde.

Este é um momento para a iniciação dos Standards da Ordem do Conselho Carmesim na Terra. Ela solidifica o trabalho que vocês estão fazendo. Ela os colocará em uma ordem, em uma afiliação verdadeira e sólida.

Eu vou pedir especificamente que seja criado um certificado, e eu orientarei Cauldre quanto ao desenho exato desse certificado. Eu pedirei que seja confeccionado um medalhão de metal, de bronze e de ouro, que significará esta nova Ordem do Conselho Carmesim na Terra e ele estará disponível. Sim, Cauldre, haverá custo (risos), mas eles estarão disponíveis para aqueles que desejarem exibi-los ou usá-los, se vocês assim escolherem.

Assim, deixem-nos começar primeiro trazendo as energias angélicas correspondentes. Nós vamos trazer a energia do nosso querido amigo Tobias neste momento, e vamos pedir a todos os seres angélicos para se juntarem neste palco atrás de Cauldre e Linda.

Nós vamos pedir que a energia de Kuthumi junte-se a nós neste palco e com o terceiro olho, vocês verão ou sentirão no coração que eles se vestiram apropriadamente para este dia.

Vamos pedir que a energia de Ohamah se junte a nós no palco nesta manhã.

Vamos pedir que a energia de Kwan Yin se junte a nós no palco nesta manhã.

E finalmente, vamos trazer a energia de Rafael para juntar-se a nós no palco. E isto completa os Seres Angélicos do Conselho Carmesim que farão parte da iniciação.

Para cada um de vocês, Shaumbra, que escolher a iniciação, haverá um Ser Angélico correspondente que virá para a sua vida e que fará uma conexão direta e imediata com vocês. Não se preocupem com nomes neste momento. Não se preocupem com fisionomias, mas a vocês será dado ou designado um Ser Angélico correspondente do Conselho Carmesim que estará aqui para trabalhar com vocês. Eles não serão guias como vocês conheceram no passado. Não serão runners (mensageiros). Serão o seu correspondente no Conselho Carmesim nos níveis angélicos. Eles trabalharão com vocês para equilibrar e fazer fluir as energias de um lado para outro. Serão seus parceiros angélicos. Não, eles não resolverão os seus problemas porque vocês não têm nenhum problema (alguns risos). Serão colaboradores no seu novo papel de Professor iniciado. Assim, se vocês escolherem a iniciação, eles estarão se movimentando.

Nós vamos pedir que seis humanos, no total, se apresentem para representar o aspecto humano desta Ordem do Conselho Carmesim.

Pedimos, primeiramente, que a energia de Cauldre esteja um pouco mais humanamente presente no palco neste momento.

Pedimos que a energia humana de Linda esteja plenamente presente correspondendo com os seres angélicos que permanecem no palco.

Pedimos que Andra - Norma - se apresente e fique na frente do palco, ajudando a corresponder às energias dos Seres Angélicos.

Pedimos que Garret se apresente e se volte para a audiência na frente do palco também.

Pedimos que Janice Burney se apresente e fique em frente ao palco, voltando-se para a audiência, de modo que haja uma energia humana correspondente aos Seres Angélicos.

E pedimos que John Kuderka se apresente e fique na frente deste palco diante dos humanos correspondendo com os seres angélicos - e você pode deixar os seus instrumentos aqui (falando com John).

Pedimos a todos agora que optaram pela iniciação de Standard nesta nova Ordem para que façam uma inspiração profunda.

Pedimos que David McMaster traga os sinos à frente e faça-os soar vinte e duas vezes enquanto a iniciação se desenvolve.

Nós vamos pedir a música da harpa porque ela é encantadora.

Então... começaremos a iniciação tão logo os sinos toquem 22 vezes.



(longa pausa enquanto os sinos lentamente soam vinte e duas vezes.)



Pela autoridade a mim outorgada pelo Conselho Carmesim, em nome de Tudo O Que É, na evolução para a Nova Energia, eu inicio a Ordem do Conselho Carmesim, e cada um de vocês, como Standards.

Eu sou Adamus Saint-Germain.


Traduzido por: Regina Drumond reginamadrumond@yahoo.com.br

Revisado por: Sonia Bidutte bidutte@terra.com.br

Tobias do Conselho Carmesim é apresentado por Geoffrey Hoppe, com o pseudônimo de "Cauldre", Golden, Colorado. A história de Tobias, do bíblico Livro de Tobit, pode ser encontrada no web site do Círculo Carmesim: www.crimsoncircle.com. O Material do Tobias é oferecido gratuitamente aos Trabalhadores da Luz e Shaumbra de todo o mundo desde agosto de 1999, época em que Tobias disse que a humanidade tinha ultrapassado o potencial de destruição e entrado na Nova Energia.

O Círculo Carmesim representa uma rede mundial de anjos humanos que estão entre os primeiros a fazer a transição para a Nova Energia. Enquanto eles vivenciam as alegrias e os desafios do status da ascensão, ajudam outros humanos em suas jornadas, compartilhando informações, atendendo e orientando. Mais de 50.000 visitantes vão ao web site do Círculo Carmesim todos os meses ler os últimos materiais e discutir suas próprias experiências.

Os encontros do Círculo Carmesim acontecem mensalmente em Denver, Colorado, onde Tobias apresenta as informações mais recentes através de Geoffrey Hoppe. Tobias declara que ele e os outros do Círculo Carmesim celestial estão, na verdade, canalizando os humanos. De acordo com Tobias, eles estão lendo nossas energias e traduzindo nossas próprias informações de volta para nós, de modo que possamos vê-las vindo de fora, enquanto as vivenciamos no nosso interior. O "Shoud" é uma parte da canalização em que Tobias fica de lado e a energia dos humanos é canalizada diretamente por Geoffrey Hoppe.

As reuniões do Círculo Carmesim estão abertas ao público. O Círculo Carmesim sobrevive com o amor sincero e a doação dos Shaumbra de todo o mundo.

O objetivo dos que fazem parte do Círculo Carmesim é servir de guias humanos e professores àqueles que seguem o caminho do despertar espiritual interior. Não é uma missão evangélica. Pelo contrário, a luz interior é que guiará as pessoas até você para receberem compaixão e atenção. Você saberá o que fazer e o que ensinar nesse momento, quando vier até você o humano precioso e único, pronto para embarcar na jornada da Ponte de Espadas.

Se você estiver lendo isto e sentir a verdade e a conexão, você é realmente um Shaumbra. Você é um professor e um guia humano. Permita que a semente da divindade cresça dentro de você agora e em todos os momentos que estão por vir. Você nunca está sozinho, porque a família está espalhada por todo o mundo e os anjos estão ao seu redor.

Por favor, distribua este texto livremente numa base não comercial e sem cobrar por ele. Por favor, inclua as informações na íntegra, inclusive com todo este pé de página. Todos os outros usos têm que ser aprovados por escrito por Geoffrey Hoppe, Golden, Colorado. Veja a pagina de contatos no website http://www.crimsoncircle.com/

© Copyright 2006 Geoffrey Hoppe, P.O. Box 7328, Golden, CO 80403. Todos os direitos reservados.