A Escuridão é Sua Divindade

TOBIAS E O CONSELHO CARMESIM

Círculo Carmesim, 17 de julho de 2004 - Série da Nova Energia

Shoud 12: A Escuridão é sua Divindade 


 

 
E assim é, querido Shaumbra, que nos reunimos aqui juntos neste espaço da Energia Nova, neste espaço seguro... Ah, na energia de Shaumbra.  É prazeroso ouvir sua música, sentir as profundezas de suas experiências e de suas almas.  É um prazer enorme pra mim, Tobias, ser capaz de chegar assim tão perto de vocês nesse dia quando trazemos uma mensagem um pouco diferente do normal. Se você permitir a si mesmo, sentirá toda uma essência diferente no que vamos produzir.
 
Realmente, estamos canalizando vocês.  Estamos com vocês em nossos braços.  Estamos sentindo o que emana de seus corações e de suas almas.  E, estamos inspirando tudo isso.  Estamos inspirando isso através de todos os corredores do omniverso... Inspirando através de todos os anjos... De todos os aspectos do que vocês foram no passado... E, então expirando de volta pra vocês, gentilmente através de seu corpo humano.  Gentilmente, estamos expirando, de maneira que você sinta em sua face... Em suas mãos... E em seu coração... Expirando a sua  essência de volta a você, para que possa sentir e lembrar quem realmente é...  Expirando de volta para iniciar a combustão da chama divina dentro de você para que todo o resto do mundo a contemple.
 
Hoje estamos inspirando suas vibrações, inspirando suas energias e especialmente sua sabedoria.  Hoje estamos inspirando uma mensagem que vocês reuniram, não apenas para si mesmos porque já sabem o que há nas palavras e na energia deste Shoud.  Estamos inspirando-a como uma mensagem para toda a humanidade contemplar, um a um e finalmente toda a humanidade.
 
Esta mensagem é simples.  É ousada.  É uma mensagem que fará alguns sentirem medo ou raiva.  Mas, queridos amigos, é uma mensagem que muitos, muitos fora da família  Shaumbra estão esperando ouvir para se liberar de coisas que os mantêm presos... Liberá-los da escuridão que os tem atormentado... Liberá-los da escuridão a qual estiveram aprisionados...  E liberá-los dos fardos que vêm carregando.
 
Assim, querido Shaumbra, todos nós de nosso lado do véu – todos os anjos aqui reunidos e reunidos com Shaumbras pelo mundo afora – aproveitamos este momento para inspirar vocês.  Permita-nos chegar assim tão perto para que sejamos uma parte de vocês, partilhar este sagrado e precioso Agora com cada um de vocês.  E, permita-nos respirar isso de volta pra vocês. Dêem permissão para que respiremos isso de volta a cada um aqui reunido, que está conectado com essa energia.  Permita-nos respirar isso através de você para todos os outros humanos que estão prontos para ouvir essa mensagem, para que contemplem esse momento.
 
Juntos, Shaumbras, estivemos construindo para chegar a esse momento, especialmente nesta série em que estamos agora, a série da Energia Nova.  Nesses meses passados, falamos sobre a Energia Nova e o que é, o fato de ser realmente Energia Nova.  Não apenas um termo.  É de fato Energia Nova.
 
Quando vocês deixaram o Lar, o Reino, uma quantidade restrita de energia partiu com vocês.  E, parte do que vocês queriam experimentar, parte do que queriam criar finalmente era Energia Nova.  Assim, por eras vocês simplesmente pegaram as energias já existentes e aprenderam como esculpi-las... Aprenderam a brincar com elas... Aprenderam como transformá-las de uma energia em outra... De uma vibração para outra... Até recentemente brincavam com as energias existentes.
 
Mas, nesse ano que passou, Shaumbras, Novas Energias foram criadas pela primeira vez fora de Casa.  O que significa muito simplesmente que vocês aprenderam a ser Criadores por direito próprio, Criadores do ramo da Energia Nova.  Mas a cada momento – cada novo momento – estão aprendendo cada vez mais sobre esse milagre da Energia Nova.
 
Nesta série, falamos sobre Imaginação.  Falamos sobre abrir – não apenas com a mente, mas com seu coração – abrir e se permitir soar, expandindo-se para além das limitações da dimensão humana linear em que se encontram, indo além – Oh, realmente ficando no momento e muito pé no chão – mais indo além.  A Imaginação é um dom que sempre tiveram, mas durante muitas, muitas vidas aqui na Terra, vocês a fecharam, centrados na realidade tridimensional.
 
Mas, é momento de permitir a Imaginação soar novamente, abrir e reconhecer todos os pensamentos e todos os sentimentos que aparecem.  Vocês bloquearam tantos deles no passado porque eram dolorosos, ou porque não confiavam em si mesmos, ou porque estavam cortando parte de si mesmos da experiência.
 
Aqueles entre vocês que acham que jamais sentiram, é porque não estão tendo confiança. Estão negando uma parte muito vital, muito importante de si mesmos.  Estão fechando, fluindo estritamente com a mente, processando apenas com o cérebro. Mas temos trabalhado com vocês para uma abertura, permitindo que tudo venha à tona, os pensamentos loucos, que vocês, às vezes, julgam como pensamentos enganosos.
 
Não são de maneira nenhuma enganosos.  São potenciais que talvez não se manifestem aqui na Terra.  São cenários que podem estar ocorrendo em outros níveis dimensionais.  São seus.  Talvez, não esteja acontecendo aqui na Terra, mas isso não os fazem errados.  E isso não faz de você um louco.
 
Então, estivemos trabalhando para abrir a Imaginação, permitir toda essa correnteza livre entrar em você e através de você. E dissemos a vocês que agora é seguro fazer isso.  Vocês criaram a Energia Nova, a energia segura.  Não precisam mais se preocupar com os demônios, fantasmas e o mal, e que todas essas entidades obscuras entrem e consumam vocês, controlando e escravizando vocês... Não mesmo.
 
Vocês estão nesse momento Agora numa energia segura, em uma energia sagrada.  E é seguro abrir-se para tudo... Tudo... Tudo o que vocês são.
 
Falamos sobre estar no momento Agora e permitir a si mesmos mais uma vez expressar-se... Sem amarras... Permitindo a si mesmos estar com o pé firme no momento Agora... E tão completamente abertos e expandidos quanto possam expressar.  Queridos amigos, essa energia segura – essa energia totalmente expandida, assentada no momento Agora – é onde os milagres acontecem.
 
Mas, o verdadeiro milagre- o verdadeiro milagre – é o recordar por que vocês estão aqui, a lembrança de quem são.  O verdadeiro milagre é a consciência aberta e livre.
 
Mesmo Yeshua falou sobre isso a vocês.  O milagre não está em curar o braço de alguém.  O Milagre realmente não é transformar água em vinho, ou multiplicar os peixes e os pães.  Isso é brincadeira de criança que vem como resultado natural de uma consciência completamente aberta e a lembrança – a lembrança completa – de quem você é.  Nesse espaço, nesse espaço seguro, todas essas coisas acontecem facilmente. O que vocês chamam milagres físicos ou tridimensionais deixam de ser milagres porque vocês compreendem como eles acontecem.
 
Você não tem mais que utilizar vidas de energia tentando ser um fazedor de milagres ou um mágico. Acontece naturalmente quando o milagre da consciência livre e aberta ocorre. Mas isso não acontece a não ser que você esteja na energia segura.  Não dá pra acontecer se ainda há coisas presas, coisas de que você tem medo, coisas que você trancou nos armários de sua alma.  E você já sabe disso, Shaumbra.  Você já sabe disso.
 
Vamos falar por um momento sobre as energias da luz e da escuridão, as energias primárias da dualidade, as duas energias básicas primárias que existiram até agora.  Tem a luz, que chamamos de energia AH (pronunciado como “awe”). E tem o escuro, que chamamos de energia OH (pronunciado como “owe”). O AH  e o OH – os sons originais, querido Shaumbra, as vibrações originais numa linguagem humana um pouco crua.
 
Vamos por um momento aqui juntos, escutar o AH, a verdadeira música e vibração de AH – o que primeiro experimentaram quando deixaram o Lar, a energia luz – AH.
 
Tomem um momento para sentir a energia OH.  Escutem o OH – o oposto a AH – o negativo, o escuro.
 
AH... E o OH... Os sons originais, as vibrações originais quando vocês deixaram o Lar... As partes originais de vocês... o AH e o OH... Partes um do outro em amor tão profundo... Oh, como dois amantes, partilhando uma experiência juntos... Jurando ficar unidos para sempre... Jurando servir um ao outro... Jurando amar um ao outro incondicionalmente.
 
Então quando as energias AH e OH dentro de vocês começaram a experiência fora de Casa, havia um tremendo amor entre eles, uma tal compaixão e partilhar que a energia OH – a energia escura – disse a AH, “eu te amo tanto que assumirei toda sua dor.  Sinto tamanha compaixão por você que assumirei tudo que não gosta em si mesma.  Estou tão alegre com a viagem  em que você vai embarcar que assumirei tudo que você não gosta em sua jornada. Eu te amo muitíssimo”.   E, através das eras e muitas vidas na Terra a energia AH  e a energia OH tem atuado juntas, apoiando uma a outra, amando uma a outra.
 
A energia OH assumiu todos os atributos da “escuridão”, todos os atributos do “negativo”, todos os atributos da dor em honra e compaixão pela energia AH. A energia OH permitiu que ela mesma fosse separada em consciência da energia AH, porque a energia AH não suportava mais olhar para ela.  E como a escuridão estava sendo absorvida dentro da energia OH, ela  ficou sobrecarregada. Ela ficou mutilada.  Tornou-se feia.  Tornou-se desprezível aos olhos de AH.
 
Queridos amigos,  o que estamos falando aqui é a separação da luz e da escuridão, a realidade do que são as energias da luz e do escuro. Não são nada como a humanidade entende que sejam agora.
 
A humanidade continua a lutar com a luz e a escuridão. A humanidade continua a tentar aniquilar o escuro.  A humanidade continuar a tentar descarregar tudo que não ama de si mesma na escuridão, na energia OH.  Humanos, indivíduos humanos, fazem isso consigo mesmos.  Tudo que temem... Tudo que rejeitam... Tudo
que negam de si mesmos é descarregado na energia OH.  E, a OH tomou a si esse papel, o papel inteiro da escuridão.
 
E. como sabem, a humanidade então acha que tem que lutar com a escuridão.  Eles têm que dar um sumiço à escuridão.  Mas, Shaumbra, como você já sabe, isso não pode ser feito. Tudo é parte de uma mesma coisa.
 
Queremos que todos vocês, que estão prontos – todos vocês que chegaram a esse ponto da Energia Nova segura – dêem uma olhada no que a escuridão realmente é.  Oh, é como um amante que deu tudo por você, que assumiu todas as suas dúvidas por amor a você.  É como um companheiro e um amante que assumiu tudo aquilo que você não gostou de si mesma.  É como um amante que faria qualquer coisa por você, de maneira que você pudesse seguir em frente, a fim de que você pudesse continuar a experimentar e viver.
 
Então, queridos amigos, olhem para a energia OH, a energia da treva.  Ela não é de maneira nenhuma o que parece ser. A humanidade, os indivíduos continuam a lutar com a luz e a escuridão existentes dentro de si mesmos.  Isso provoca uma barreira, um muro que não permite a elas se integrar a tudo que realmente são.  Isso impede que elas verdadeiramente vivam na Energia Nova.  Ao separar a luz e a escuridão dentro de si mesmos, se impedem de experimentar as alegrias e milagres que a vida oferece.
 
Queridos amigos, pedimos que observem conosco por um momento. Olhem além do óbvio da escuridão, da energia OH. Vamos sentir a compaixão que essa energia teve, o amante que faria qualquer coisa por você.
 
Toda energia busca resolução.  E, neste momento a escuridão busca ser liberada do papel em que atuou dentro de você. Ela busca ser liberada do lixo... Do demônio... Do ruim e do mal... Do não admitido... E do odiado.  Ela carregou esse fardo por tanto, tanto tempo.
 
Ela quer retornar a você.  Ela quer amá-lo de uma nova maneira.  Quer estar em amor por você de toda uma nova maneira.  Ela não é de maneira nenhuma o que você pensou que ela fosse.
 
Toda energia busca resolução.  E, o que você chamou de “trevas”... De “negativo”... De “ruim”... É simplesmente parte de você.
 
Queridos amigos, A ESCURIDÃO É SUA DIVINDADE.  Ela tem se escondido.  Ela esteve escondida por tanto tempo.  Oh, sim, realmente, o divino É a escuridão.  Isso vai dar o que pensar a vocês por um longo tempo.
 
Não falamos com Cauldre antes desse Shoud, pois sabíamos que ele jamais subiria ao palco (risadas). Tivemos até uma certa dificuldade em transmitir estas palavras através dele.
 
E, nesse energia segura que todos nós estamos compartilhando, quero que dêem toda uma nova olhada no que o AH e o OH verdadeiramente são.  OH – a divindade que amou você tanto que assumiu todo o fardo e dores, toda a sua escuridão – ela busca resolução.  Quer retornar agora mesmo. Ela quer parar de jogar o jogo de AH e OH, e simplesmente ser o som unificado dentro de você. OH quer voltar.
 
OH... E vocês têm chamado por ela por tanto tempo. Mas, estavam negando o que estava aí, não estavam?  Chamando por sua divindade, “Onde, oh, onde está?  Onde está o anjo dourado? Onde está o Deus interno? Por que minha divindade... Por que meu Deus me abandonou?  Por que estou sozinho aqui na Terra?  Por que não ouço a voz do Espírito?”
 
Queridos amigos, tem estado aí o tempo todo.  É o OH.  É o que rotularam de escuridão, de negativo.  Tem sido sua terra espiritual lavrada com tudo o que você não gostava em si mesmo.  É tempo de deixar isso ir agora.
 
É a sombra que sempre esteve aí, queridos amigos,  sempre mais próximo de vocês do qualquer outra coisa... A Sombra de que você teve medo por tantas vezes... A Sombra para qual você não queria olhar porque havia partes de si mesmo que você queria negar, rejeitar e que não amava.
 
Oh, o OH amou você tanto que assumiu tudo isso com a compaixão maior, com uma compaixão jamais, jamais imaginada.  OH assumiu cada desequilíbrio, cada pedacinho de sofrimento, cada pedacinho de auto-repulsa, e  de auto desconfiança.  Você descarregou aí, e o amor de OH, escondido pelo véu das trevas, segurou isso tudo para que você pudesse continuar a experimentar.
 
A sombra sempre esteve aí.  Como dissemos a um grupo cerca de seis meses atrás, pense sobre isso nestes termos.  Uma sombra só pode existir quando a luz brilha sobre uma identidade espiritual única – você.  Quando a luz de Casa e a fonte de Deus brilham sobre sua alma, seu ser individual, ela lança uma sombra. Os seres que não têm alma, não têm sombra.  Foi apenas a vocês que foi dado o dom da verdadeira identidade espiritual e da capacidade criadora. Somente vocês têm uma sombra.
 
Pedimos agora nesse momento que reconheçam a Sombra – é você – reconheçam a escuridão – é você -  reconheçam o OH.  É um dos dois sons que contêm suas energias – OH... AH... A inspiração... A expiração.
 
Vocês passaram tanto tempo lutando com a escuridão, rejeitando a treva que pensaram que ela fosse o verdadeiro inimigo.  Gastaram tanto tempo em luta com a escuridão em suas próprias mentes e em seus próprios corações que se tornaram medrosos, assustados e isolados.  Mas, o OH, a escuridão, estava simplesmente mantendo a maior compaixão imaginável por você.
 
Você pode permiti-la sem medo em sua vida?  Você pode entender, Shaumbra, que a escuridão sustenta sua divindade?
 
Energia busca resolução.  Ela busca retornar – os dois amantes se reunindo após uma longa separação.
 
A resposta a suas orações, a resposta a todas as suas lágrimas – imaginando onde está o espírito – sempre esteve bem aí, escondida por trás das coisas que você não gostava a seu respeito e a respeito do mundo a sua volta.
 
Shaumbra, podemos celebrar juntos?  Podemos aceitar o que vocês chamam escuridão?  Você pode aceitar o que chamamos energia OH em sua realidade?  Você pode incorporar a energia OH?
 
Podem deixar o AH e Oh se reunirem em amor, compartilhando toda uma nova experiência numa energia Nova e segura?  Vocês podem permitir isso a despeito de todo o treino, de toda programação, de toda propaganda sobre a energia das trevas?  Vocês podem permitir a união dessas duas energias retornar para criar a união que engloba o divino e o humano, aqui no momento Agora ao mesmo tempo?
 
Isso, Shaumbra, é um passo audacioso.  E, há muitos fora desta sala que não compreendem.  Há muitos que vão considerar isso um embuste.  Muitos irão considerar um tipo de heresia.
 
E, há aqueles que ainda estão lutando consigo mesmos, ainda em luta com outras nações, ainda odiando aspectos de si mesmos.  São os que ainda pontificam, mas não incorporam a Energia Nova, não incorporam a energia de Deus e amor junto com Tudo Que É no momento Agora.
 
Há aqueles fora desta sala que ainda vão preferir manter a luta da Velha energia entre a luz e a treva, porque isso os ajuda a adquirir uma nova compreensão de si mesmos.  Oh, e às vezes eles até ficam viciados a esse jogo de luz e treva.  Alguns fora desta energia de Shaumbra continuam a ter que ter um lugar para descarregar toda a bagagem... Todo o seu ódio... Toda sua separação... Toda a energia dos Sete Selos de que falamos no ano passado.  Eles precisam de um lugar para continuar a descarregar.
 
Shaumbra, inspiramos a energia na qual estão, o entendimento e a sabedoria de que OH e AH se reúnem agora num novo amor e numa nova compaixão.  Shaumbra, permitam-nos espalhar hoje  uma nova e audaciosa mensagem para a consciência da humanidade  de que a luz e a treva são a mesma coisa, não um exercício mental, mas uma realidade que permitimos incorporar dentro de nós mesmos.
 
Vamos enviar uma mensagem energeticamente para o mundo de que a luz e a treva buscam se reunir.  Vamos mandar uma mensagem ao mundo de que a treva não é de maneira nenhuma o que  parece. É onde a divindade reside, o incrível amor e compaixão da divindade que, amando-os tanto, assumiu toda a escuridão em prol de vocês.
 
Juntos, Shaumbra, vamos englobar o OH e o AH.  Vamos liberar a velha maneira de pensar e as imagens do que era a escuridão e do que era a divindade. Vamos juntos deixar que fluam juntos nesse espaço seguro e sagrado.  É onde a cura da alma está, agora mesmo, luz e treva reunidas.
 
E assim é!
 
...................................................................................................
 
 


Tobias do Conselho Carmesim é apresentado por Geoffrey Hoppe, vulgo "Cauldre", Golden, Colorado. A história de Tobias, do bíblico Livro de Tobit, pode ser encontrada no web site do Círculo Carmesim: www.crimsoncircle.com <http://www.crimsoncircle.com> . O Material do Tobias é oferecido gratuitamente aos Trabalhadores da Luz e Shaumbra de todo o mundo desde agosto de 1999, época em que Tobias disse que a humanidade tinha ultrapassado o potencial de destruição e entrado na Nova Energia.
O Círculo Carmesim representa uma rede mundial de anjos humanos que estão entre os primeiros a fazer a transição para a Nova Energia. Enquanto eles vivenciam as alegrias e os desafios do status da ascensão, ajudam outros humanos em suas jornadas, compartilhando informações, atendendo e orientando. Mais de 50.000 visitantes vão ao web site do Círculo Carmesim todos os meses ler os últimos materiais e discutir suas próprias experiências.
Os encontros do Círculo Carmesim acontecem mensalmente em Denver, Colorado, onde Tobias apresenta as informações mais recentes através de Geoffrey Hoppe. Tobias declara que ele e os outros do Círculo Carmesim celestial estão, na verdade, canalizando os humanos. De acordo com Tobias, eles estão lendo nossas energias e traduzindo nossas próprias informações de volta para nós, de modo que possamos vê-las vindo de fora, enquanto as vivenciamos no nosso interior. O "Shoud" é uma parte da canalização em que Tobias fica de lado e a energia dos humanos é canalizada diretamente por Geoffrey Hoppe.
As reuniões do Círculo Carmesim estão abertas ao público. O Círculo Carmesim sobrevive com o amor sincero e a doação dos Shaumbra de todo o mundo.
O objetivo dos que fazem parte do Círculo Carmesim é servir de guias humanos e professores àqueles que seguem o caminho do despertar espiritual interior. Não é uma missão evangélica. Pelo contrário, a luz interior é que guiará as pessoas até você para receberem compaixão e atenção. Você saberá o que fazer e o que ensinar nesse momento, quando vier até você o humano precioso e único, pronto para embarcar na jornada da Ponte de Espadas.
Se você estiver lendo isto e sentir a verdade e a conexão, você é realmente um Shaumbra. Você é um professor e um guia humano. Permita que a semente da divindade cresça dentro de você agora e em todos os momentos que estão por vir. Você nunca está sozinho, porque a família está espalhada por todo o mundo e os anjos estão ao seu redor.
Por favor, distribua este texto livremente numa base não comercial e sem cobrar por ele. Por favor, inclua as informações na íntegra, inclusive com este pé de página. Todos os outros usos têm que ser aprovados por escrito por Geoffrey Hoppe, Golden, Colorado.
© Copyright 2004 Geoffrey Hoppe, P.O. Box 7328, Golden, CO 80403. Todos os direitos reservados.
Tradução para o português: Sonia Gentil agosto de 2004
manso@dstech.com.br